[TWwCP] Capítulo 259 – Fim da Guerra e a Situação de Emergência no Reino de Augusta

Este capítulo foi traduzido do Shiro-kun.


Capítulo 259 – Fim da Guerra e a Situação de Emergência no Reino de Augusta

“O que aconteceu, Danna-sama?”
“Eu fui contatado pela Fenrir-sama agora pouco. Ela me contou que o Maou, Cayenne, aparentemente morreu.”
“Mah– –!? Você está falando sério? … Eu consigo ver por que o Danna-sama estava agindo assim então.”
“Eu ainda não ouvi os detalhes completos, mas aparentemente uma das Feras Divinas derrotou ele…”
“Entendo… é por isso que a Fenrir-sama te contatou primeiro.”

Ela sabia que eu ia relatar isso ao Fahren-sama.
Depois de confirmar que não tinha ninguém nos seguindo, eu usei 【Magia Única・Espaço-Tempo】 para nos transportar instantaneamente para o quarto da Sylphy.

“Nós temos que chamar a Metier-san…”

Sylphy sacudiu sua cabeça em desaprovação e puxou minha mão.

“Está tudo bem, eu estou aqui, Danna-sama. Eu tenho certeza que meu pai está no seu escritório…” Sylphy murmurou no que ela me arrastou junto, até ouvirmos uma batida enorme na porta.

“… Mas o que? Como foi que eles sabiam que tinha alguém dentro?”

Sylphy e eu nos olhamos e acenamos.
Como nós não sabemos quem era, nós decidimos responder.

“Quem é? Você poderia ser um pouco mais quieto?”

Sylphy, agora levemente irritada, respondeu.

“Aah, Hime-sama, você está aqui para visitar?”

Hm? Esta não é a voz da Metier-san?
O jeito que ela falou parecia indicar que ela não sabia que nós estávamos aqui.
Sylphy se aproximou da porta, abriu ela e lá estava a Metier-san.
… E também, a Capitã Cecil estava lá também.

“Hime-sama! É uma emergência. Por favor vá até o rei o mais logo possível.”

Outra emergência!? E olhando de perto, parece que a Capitã Cecil tem uma ferida séria no seu braço direito.
Isso é ligado à dita emergência?

“Capitã Cecil, o que aconteceu com seu braço direito?”
“Por favor se apresse até o rei por ora.”

Eu acenei, então peguei a Sylphy pela mão antes de correr até o escritório do rei.
Quando nós chegamos no escritório, Sylphy gritou enquanto batia na porta.

“Pai, sou eu. Sylphid. Eu ouvi que tinha uma emergência.”

Ela abriu a porta sem aguardar por uma resposta.

… O que nós vimos lá eram o rei e Morgue-san, que estavam no meio de uma conversa enquanto nos olhavam com uma expressão espantada.

“Ei Sylphy, por que você está assim? Por favor aja mais como uma moça, você está casada, sabia… vá aprender isso com a Aisha-dono ou a Sasha Lion-dono.”

Fahren-sama colocou suas mãos nos quadris e deu bronca na Sylphy.

“Deixando isso de lado, você veio na hora certa, Myne.”
“Rei-sama, nós ouvimos que há uma emergência acontecendo? O que exatamente aconteceu?”

Apesar da minha história ser importante, mas dado as feridas da Capitã Cecil, é melhor dar prioridade para isso.

“Para ser honesto… um monstro misterioso apareceu na nossa capital… não, não é claro se isso pode ser realmente chamado de monstro…”

Eeeh? Tem um monstro na capital! Os cidadãos não estariam em perigo? Isto realmente é uma emergência.

“Pai, como eram esses monstros?”

… O rei então começou a falar.

Do nada, essas 4 estátuas de pedra apareceram com a aparência de Orcs no centro da cidade.
Quando se aproximaram dessas estátuas, os Orcs subitamente saltaram no ar.
Dessas estátuas surgiram uma corrente de 4 Orcs, em outras palavras, 16 Orcs repentinamente apareceram no meio da capital.
Mas isso não era o grande alvoroço.
A segunda brigada de cavaleiros konoe, liderados pela Capitã Cecil, seguiu para lá, mas como vocês sabem, os Orcs são bem fortes. É um monstro que ranqueia em C, o que requer múltiplos aventureiros para se derrotar.
Estando engajados numa batalha tão repentina, os cavaleiros se esforçaram, e a Capitã Cecil foi atingida profundamente.
Atualmente, os cavaleiros liderados pelo Cunhado-san estão seguindo para lá para suprimir a situação.
… Contudo, as estátuas de pedra misteriosas permanecem na capital.

“Essas estátuas de pedra estranhas…”

É como achar uma estátua de pedra na forma de um goblin, e achar goblins cercando ela.

“Me desculpe por sempre depender de você, mas eu gostaria que você me emprestasse seu poder para nos livrarmos dessas estátuas de pedra. Aah, e você poderia por favor perguntar para Fenrir-sama sobre a identidade delas.”
“Sobre isso, rei-sama, a razão pela qual eu estou aqui também é um relatório da Fenrir-sama…”

Eu olhei para o rei-sama seriamente e relatei o que a Fenrir-sama me contou.

“O que foi? Eu não quero ouvir mais nenhuma notícia ruim…”
“Não, não é. Eu acho que é uma boa notícia.”
“Então o que foi?”

Rei-sama se sentou na sua cadeira com uma expressão aliviada.

“Sobre isso… aparentemente o Maou Cayenne morreu pelas mãos de uma Fera Divina.”
“Que? Está falando sério? Isso é de fato uma boa notícia, mas como isso aconteceu de repente?”
“Eu não sei os detalhes ainda, mas eu estou planejando me encontrar com a Fenrir-sama no futuro próximo para receber as respostas.”

Quando me espreguicei e disse isso, o rei se levantou de novo e falou acenando.

“Eu deixarei isso com você. Deixe-me saber assim que você souber de algo.”
“Eu entendo! Eu seguirei agora para lá e descobrirei sobre as estátuas de pedra.”

ANTERIOR | ÍNDICE | PRÓXIMO

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s