[NnY] Capítulo 108 – O Herói, Lava seu Rosto

Primeiro capítulo extra do ano! Eu decidi que quero manter as numerações dos capítulos dos meus projetos de forma semelhante, no caso que as unidades sejam iguais (108 de NnY, 138 de TWwCP) ! Agradeçam meu (pseudo)TOC atacando, porque agora vocês têm este capítulo extra! – Este capítulo foi traduzido de Light Novel Translations.


Capítulo 108 – O Herói, Lava seu Rosto

O ar frio da manhã cortou minha bochecha.
Acordando de algum modo mais cedo que o de costume não era agradável.

“Oh, bom dia.”
“… Oh, dia.”

Nem Minnalis nem Kuu haviam acordado ainda desde então.
Dentro de uma ferramenta mágica para espantar monstros, Shuria e eu cuidados alternadamente da Minnalis, que ainda estava desmaiada. Bem, mesmo quando eu digo cuidar, além de olhar no status para ter certeza que não há outros aspectos estranhos, não tem nada que nós realmente possamos fazer.
A única coisa que eu podia ativamente fazer era manter a fogueira sem se apagar, e ver se tinham quaisquer mudanças.
O céu que eu olhei estava apagado, e parecia que o sol estava prestes a nascer.

“Shuria, eu vou ir lavar meu rosto um pouco. Quando eu voltar, você também devia dormir um pouco. Vamos pensar sobre o que fazer depois que o sol nascer completamente.”

Dizendo isso, eu segui para a fonte próxima.

A água da fonte jorrando era limpa o suficiente para se ver até o fundo.
No que eu lavei meu rosto rapidamente, a frieza da água perfurou meu corpo.

“…”

Depois de todos os eventos que haviam acontecido, Leone, que se levantou imediatamente, voltou e andou com seus colegas.
Ratsuke continuou a segui-los, mas depois disso, foi entendido que as quatro pessoas não eram aventureiras mas uma mascate viajante e suas escoltas.
Depois disso, eles seguiram para Carbonheim. Deixando seu vagão ali por ora, eles pretendem ir para a cidade, usando ela como uma base para nos procurar.

Eu não saberei a não ser que eu consiga confirmar isso, mas eles podem ser mascates que foram confundidos como o grupo de aventureiras que algumas vezes iam para a vila de que Minnalis ocasionalmente falava.

Contudo, algo assim não era mais uma preocupação principal.
『O ex-herói japonês』, eu estou positivo que aquela mulher disse isso.

・・・・ O ex-herói, japonês.

“Impossível… o que isso significa?”

A única vez que eu alguma vez pronunciei o substantivo próprio Japão foi na primeira passagem, e então para Minnalis e Shuria.
Mas ainda, como a palavra japonês apareceu.
… Uma pessoa de outro mundo? Ainda seria disputável, mas japonês.

“E também, o 『ex』 herói?”

Em amor ao debate, ela conseguiu me marcar como o herói.
Ela poderia na verdade possuir uma skill única que a permite ver meu verdadeiro título de 『Herói』 no meu status oculto. Apesar da possibilidade ser baixa, ela não pode ser apagada.
Contudo, só de olhar no meu status, eu não posso ter certeza que eu não sou reconhecido como um herói neste momento.

“Perseguidores enviados pela Alesia…?”

Isso lentamente se ajeita, como um veneno se espalhando.
Essa resposta, e o fato que ela disse a palavra japonês estavam juntos.

“Sem chance, outra, da Terra…”

A conclusão que estava prestes a ser colocada em palavras é terrivelmente fria, me fazendo sentir como se meu sangue tivesse congelado.
A sensação de opressão surgindo do fundo da minha gargante aperta minha mente.

“Não, isso por outro lado é que é impossível!”

E então, eu sacudi minha cabeça.
Eles eram quase certamente conhecidos da Minnalis, e dificilmente muito tempo se passou desde quando eu fui invocado e quando eu encontrei Minnalis.
Não tem como quem foi invocada depois de mim ser uma conhecida da Minnalis.

“Droga, mas que diabos é ela…”

Não é o suficiente, me falta muita informação.
Eu não consigo alcançar uma resposta satisfatória com o que eu tenho em mãos.

De qualquer jeito, eu não posso ignorar isso. Mesmo se os meios para obter uma resposta dessas sejam um pouco…
Depois que eu pegar o principal da Minnalis que ainda está dormindo, eu precisarei bolar uma contra-medida.

Então, o que eu preciso pensar no momento é…

“Por que eu não quebrei aquele círculo de invocação naquela hora…”

Eu devia ter sido capaz de destruir aquele círculo mágico no minuto que esta segunda passagem começou a existir.

Naquela hora, o sangue estava correndo para minha cabeça em prazer, no que eu recebi uma segunda chance neste mundo.

Eu não negarei que eu estava me afogando num prazer realizador.

Mas, para deixá-los incapazes de produzir outra existência como eu, eu não deveria ter destruído aquele círculo mágico?

Não era uma coisa difícil, era?

“… Oh, droga, eu cometi um erro de novo.”

Assim que a questão veio à mente, aquelas palavras escaparam da minha boca quietamente.

Assim como a superfície d’água diante dos meus olhos, a parte mais profunda do meu coração estava calmo e inabalado.
A serenidade estranha da minha mente que não sente nada, como se o tempo tivesse parado somente para mim, apesar de breve.

Traz consigo, um arrependimento inutilmente violento.

“Aaaaargh!”

Como se todo o sangue fluindo dentro do meu corpo virasse ácido fervente, e o interior do meu corpo sendo remexido.
Por que eu deixei aquele círculo mágico de invocação ileso?

… Isso é porque eu ainda queria retornar ao meu mundo original.
Porque aquele círculo mágico era a única coisa sobrando, como a única pista viável deixada para mim.

“Droga, droga! MAS QUE DROGA!”

Minha família, meus amigos, mesmo que eu fosse perder tudo.

Mesmo que eu fosse cair em desespero de novo pela vista desse espetáculo.

“Isso é tão ruim assim, isso mesmo, eu quero voltar! Claro que eu gostaria de voltar!”

Eu gritei no que eu continuei socando meu punho no chão.

Talvez, se eu retornar ao meu mundo original, eu pensei que talvez eu pudesse voltar para aqueles calorosos dias.
Porque eu não vi o mundo anterior onde todos se foram.

Ele foi se esvaziando, e se esvaziando, e se esvaziando… e ficou quebrado, mas ainda…

Uma ideia assim, me assombrava como fantasmas, e não iria embora, então.

“Mesmo que seja só para retornar somente à desespero… pode apostar que eu ainda gostaria de ir para casa…”

… Então, eu inconscientemente limitei aquela possibilidade.
Como aquele Reino não tem a capacidade e recursos para invocar de novo, não tinha problema se eu deixasse o círculo mágico como estava.

Mas, isso foi um 『Erro』, afinal.

Porque eu dependi num fator tão ambíguo, eu vou perder algo precioso de meu controle.

“Em que ponto eu aprenderei… estúpido…”

A voz vazou como se estivesse sendo espremida.
Tão desconsolado, como se eu não tivesse crescido nem um pouco.

De novo e de novo e de novo, mesmo quando eu vi o inferno como resultado, eu ainda não aprendi.

Uma gota daquele doce veneno destrói o mundo.
Fugindo de um leve desejo, fechando meus olhos para pequenas ansiedades, fingindo não notar, como se eu não visse.

E bem desse jeito, eu continuo cometendo erros de novo e de novo e de novo.
E agora, eu me acho nesta posição.

“Hey, eu. Esse pensamento de que se eu eu apenas pudesse retornar para meu antigo mundo, você não teve o suficiente…?”

Erros são normalmente irreversíveis.

Este também é o caso para esta vez também. Eu não posso voltar para o reino depois de todo esse tempo, e será difícil de chegar na sala de invocação já que a passagem secreta foi esmagada.

“Eu já decidi… naquele dia, naquela hora, naquele lugar, mesmo que eu tenha que sacrificar todo o resto.”

Para não esquecer, para não confundir, e para poder conquistar com segurança as coisas que eu considero como de prioridade máxima.

Ainda está crescendo dentro de minha mente, e a sensação de saudade de casa não desapareceu também.

Mas, agora eu entendo claramente, talvez por causa do fato que eu forçosamente aceitei a ideia de que eu queria retornar para meu antigo mundo dentro de mim.

Na verdade, a ideia de retornar ao meu mundo original, não podia ser mais inconsequente.

“Eu terei certeza de arrastar todos eles aqui para baixo.”

Com uma mão, eu segurei meu cabelo depois de molhá-lo com as gotas da fonte.

Eu tentei conscientemente me imaginar de volta no meu mundo anterior, mas as palavras 『Você Tem que Estar Zoando Comigo』 passaram pela minha cabeça ainda mais rápido do que a concretização da imagem que eu queria formar.

Era uma questão mesmo antes de falar sobre como agir para retornar.
Eu ainda tenho coisas para fazer neste mundo.

Eu vou matar aqueles cretinos.
Eu vou matar, matar, matar, matar, matar todos eles, e colocar um fim em tudo.
Até lá, eu não preciso de qualquer esperança.

“Eu não tenho tempo para ficar parado, nem eu posso me permitir olhar para trás…”

Isso mesmo, ainda não acabou. Nada acabou.
A única coisa que eu possuo é esta paixão negra que parece que vai queimar até meu próprio corpo.

“… Eu não posso retornar com este olhar patético na minha cara.”

Eu lavei meu rosto de novo com as águas da fonte.

Cerca de duas horas se passaram desde que eu retornei do meu local anterior e deitei ao lado da Shuria, que parecia estar sonolenta.
Quando eu estava pensando em acordar a Shuria, eu ouvi uma voz da Minnalis.

“Hmm… Ugh…”

Ela lentamente colocou suas mãos no chão, e então olhou ao redor enquanto ainda estava atordoada.

“Yo, bom dia flor do dia. Você conseguiu ter um sonho bacana?”
“Goshujin-sama…?”

Enquanto Minnalis, que ainda estava esfregando seus olhos atordoada, foi tendo sua consciência gradualmente ficando firme, sua linha de visão também ficou fixada.

“Eu, uh…”
“Você se lembra do que aconteceu logo antes de você ter desmaiado?”
“… Sim, eu derrotei os monstros de imediato, e então eu fiquei com muita, muita sede… Go, Goshujin-sama, eu, o que, o que eu fiz…”
“Você sente qualquer desconforto em seu corpo? Você sente qualquer dor, ou talvez se sinta desorientada?”
“Chega de mim, Goshujin-sama está bem?”
“Se acalme, eu não ficarei embananado por algo desse nível. Eu estou numa condição excelente.”

Eu abracei a Minnalis desacredita levemente e fiz carinho em sua cabeça.
Minnalis ficou seguindo com seus dedos o lugar onde ela havia mordido, de novo e de novo para ter certeza, e confirmar que não havia cicatrizes.

Depois de fazer isso por um tempo, eu bati nas costas dela numa forma de abraço e me separei dela.

“Primeiro de tudo, cheque sua condição atual. Você foi quem passou pela maior mudança, e honestamente falando, eu ainda não sei o que aconteceu. Por ora, você sente qualquer coisa perigosa? Confirme através do seu status também.”

Dizendo isso, Minnalis olhou pelo seu corpo.

“Eu pareço estar bem. A sede que eu senti naquela hora também… Hyan!?”

Do nada, a Minnalis soltou uma voz assustada com seu corpo.

“Qual o problema!?”
“Oh, não, tem algo nas minhas roupas… Ahya, hey, pare com isso, hyuu!”

Algo estava se movendo aleatoriamente dentro das roupas da Minnalis.

“Ah, oh, é mesmo, Kuu esta´dormindo dentro de suas roupas…”
“Eh, então isto.”
“『Puhyuu, ku-shii, kyauu-』”
“Kyaa!? Faz cócegas.”
“『Npoo!』 ugh, ah, Panpa-, manma-, fizeram com Kuu”

Kuu, que brotou com sua cabeça do peito da Minnalis, fez um gemido ughhh.

“… Bem, de qualquer forma, então não tem nada de errado com seu corpo, certo? Quanto você se lembra de quando você se assimilou com a Kuu?”
“Sim, naquela hora, as profundezas do meu corpo estavam girando e cheios de poder sem fim, e ao invés disso, eu estava excitada como quando eu estava me vingando. Tanto a energia e o poder mágico, eu senti como se se eu não os soltasse, eles iam estourar dentro de mim…”

Uma a uma, as palavras saíram da Minnalis no que ela tentou confirmar as coisas que ela lembrava.

“Então, quando eu usei aquela última magia, a energia no meu corpo subitamente encolheu… e, humm, eu fiquei muito faminta… e bem diante dos meus olhos, estava manchado em vermelho e branco, humm, e o sangue do Goshujin-sama…”

Tendo dito isso, o rosto da Minnalis ficou corado de vermelho e ela colocou sua mão fechada ao redor de sua boca e olhou para baixo envergonhadamente.
O jeito com que ela olhava para mim tremulando, de algum modo parecia como  se ela estivesse embaraçada ao invés de arrependida.

Não, espera, espera, isso é algo para se sentir timidez?

“Kuu se lembra de quando estava dentro da Minnalis?”
“Hmm-? Eu não sei, mas era dão quente!” (NT: Ela fala meio errado mesmo)

Quando Kuu disse isso num tom meio ceceante, eu imagino o que deixou ela tão excitada, porque ela estava parecendo feliz.

“E se eu dizer que eu quero que você vá para dentro da Minnalis de novo, Kuu pode entrar?”
“É, eu provavelmente posso.”

Enquanto dizia isso, Kuu saiu do peito da Minnalis, ela seguiu seu cabelo e subiu no topo de sua cabeça.

“Entendo… falando francamente, eu não sei exatamente o que Kuu é, ou o que aquele estado realmente é. Eu só acho que ele parece transformar alguém num vampiro, mas não parece ser tão simples assim também, por ora Kuu não deve se assimilar com a Minnalis arbitrariamente, tudo bem?”
“Tudo- bem!”

Será que ela entendeu ou não, Kuu respondeu de um jeito duvidoso.
Apesar de ser levemente preocupante, parecia que seria inútil dizer qualquer coisa a mais.

“Então agora, devemos falar sobre os eventos depois de que a Minnalis desmaiou?”
“Eventos depois que eu, desmaiei?”

Eu comecei a falar sobre a mulher chamada Leone para Minnalis, que tinha um rosto misterioso.

ANTERIOR | ÍNDICE | PRÓXIMO

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s