[NnY] Capítulo 101 – A Bravata do Aventureiro

Eu não sei se é o rodízio de tradutores em inglês, mas eu tenho a impressão que tem alguns capítulos que são bem mais confusos que os outros (o que afeta minha tradução, consequentemente)… enfim, tá na mão – Este capítulo foi traduzido de Light Novel Translations.


Capítulo 101 – A Bravata do Aventureiro

Na pensão em Dartlas, os sinos do meio dia da igreja soaram lá fora.

Uma noite se passou, duas noites se passaram, mas o Goshujin-sama não acordou.

Depois do negócio  todo, Goshujin-sama dependeu mais da gente. Então Shuria e eu nos revezamos cuidando das necessidades do Goshujin-sama.

“… Goshujin-sama.”

Goshujin-sama estava deitado na cama, e eu toquei suas bochechas.

Ainda haviam feridas fechadas em suas bochechas.

“…”

Comparado com quando ele havia caído, a cor de seu rosto havia melhorado.

A primeira noite ele parecia realmente mau, mas depois que o tempo se passou, a cor de seu rosto melhorou levemente.

Parecia que ele abriria seus olhos a qualquer momento, no que sua quieta respiração ecoou no quarto.

“Você está bem, bem, bem…”

A batida do coração dele parecia ter ficado mais suave, como se ele estivesse ouvindo minhas palavras.

Eu realmente odiava isto. Sério.

Era a mesma sensação de quando minha mãe morreu.

Eu sabia que não havia perigo para a vida dele. Contudo, isso ainda me fez lembrar dela.

Ela ficou magra, ficou mais e mais fraca, e finalmente deu seu suspiro final através de seus lábios sorridentes.

Eu não pude fazer nada para ela na hora. Bem, agora também.

Eu odeio não ter poder.

“… Hm!?”
“Goshujin-sama!?”

Então, meu mestre abriu seus olhos.

Meu coração parecia flutuar para minha garganta no que uma sensação de alívio inundou meu corpo ao ponto em que eu podia chorar… e eu decidi que de agora em diante, eu tenho que ficar com ele o tempo todo.

Não, não tenho, quero.

Como uma vingadora, eu queria passar tempo com ele.

“Goshujin-sama!?”
“Droga, o que há com essa cara?”

Eu abri meus olhos, e o rosto da Minnalis estava na minha frente.

Eu tinha visto ela fazer essa cara antes.

Mesmo quando eu não ia morrer, ela parecia preocupada.

『Você está bem, Kaito? Quer uma maçã?』
『Hey, eu te fiz uma canja. Não se queime, okay?』
『Nii-san, eu te comprei um pouco de flan e gelatina. O futon está te mantendo quente? Eu deitarei ao seu lado se você precisar de mais calor.』

Toda vez que eu fiquei resfriado, minha família se revezaria cuidando de mim.

O rosto dela era exatamente igual os deles.

Eu fiz uma leve careta e me sentei.

“Goshujin-sama, bom. Você está com dor? Quer beber algo?”
“… Não se preocupe, eu acho que não importa. Quantos dias se passaram?”
“Hoje é o terceiro dia, o sino do meio dia acabou de tocar na igreja.”
“Okay… eu estou com fome. Quero comer um caldo encorpado com carne e vegetais.”
“Como deseja, eu farei ele agora!”
“Espero ansioso por isso, hup!”

Eu disse enquanto Minnalis disparou para a porta, e não me ouviu.

Contudo, porque Minnalis é tão séria sobre tudo, ao menos agora eu posso ficar sozinho.

“Hff, ah, ugh.”

Eu fiz meu corpo se deitar lentamente na cama de novo.

Meu corpo inteiro estava pesado como chumbo, e minhas juntas pareciam serem de um boneco de metal enferrujado que estava precisando de várias aplicações de óleo.

Era uma sensação merda, como se o poder mágico de outra pessoa estivesse rastejando por aí dentro de mim.

“Sem chance, eu ainda estou amaldiçoado, não estou…?”

A maldição da holy maiden, seu tipo invoca uma jura sagrada para acabar com meu uso da 【Sword of Mortal Sin】, que é a espada mais forte da soul blade.

Materia me atacou, e este tipo de ataca se mostra sendo dela.

A força mágica, diferente da minha própria, machuca meu corpo, e resistir a referida força causava mais dano. Não tinha como curar o dano até a magia deixar meu corpo naturalmente.

Qualquer um dos efeitos eram o suficiente para me espantar da primeira passagem.

Vai sem dizer que é um efeito que era realmente ruim no meu eu antigo e atual.

Contudo, todas essas espadas do repertório da série Mortal Sin vem com um preço pesado. E o fato que você usaria a série Mortal Sin significa que você já está encarando uma batalha desesperada.

Exaustão, o demérito da soul blade, e dano. Mesmo com a informação geral sobre sua posição, os ataques de todo o resto do mundo dependem apenas em enviar ondas de atacantes em você.

Da verdade sobre a primeira passagem, bem, eu estou feliz que eu estou completamente selado dela.

“… eu acho que eu finalmente devo upar, né?”

Meu level nunca subiu. Sempre em 1.

É óbvio que eu só posso distribuir experiência ao liberar a soul blade, porque a maldição neste momento está danificando seriamente meu status.

Mesmo quando isso funcionou perfeitamente até agora, eu mal consigo sequer ficar consciente no meu estado atual.

“Não, não adianta. Ao menos… eu tenho que matar… ou eu não serei capaz de fazer algo difícil assim.”

Eu sacudi minha cabeça enquanto eu dizia isso.

Não tinha como isto ser fatal nesta posição. Agora, o imperador só estava esperando eu fazer algo louco para que ele pudesse me achar.

Então, os efeitos da maldição da holy maiden me atingiram logo depois que eu usei a 【Sword of Mortal Sin】.

Neste estado enfraquecido, com meus membros de grupo comigo.

“… tanto faz. Ter que lidar com isto é um pequeno preço para aquela pessoa receber o que estava vindo para ela.”

É, esse foi o preço que todos eles estavam pagando. Eu sorri amargamente no que eu pensei nisso.

Eu tinha que upar algum momento depois, mas ainda não era a hora.

Era besteira jogar fora esse elemento de conseguir vingança sem um resultado assim.

Minha última preocupação era que a holy maiden descobriria onde eu estou, mas eu tenho quase certeza que ela ainda não sabe.

Não importa o que você diga, religião não é um monólito massivo.

Mesmo se ela pensasse que era estranho que eu não estava em nenhum lugar próximo e tentasse me achar, ela simplesmente não podia se remover do país santo.

(Bem, quem liga sobre o que aconteceu. De qualquer jeito, o que acontecer com esta cidade vai decidir tudo.)

Se eu fosse dizer algo, era uma ação que eu teria que dizer que foi para minha própria satisfação, mas que Minnalis e Shuria começaram.

“Três dias. Foi duro, mas eu tenho que comer e me mexer por aí de novo.”

Minha soul blade e skill ainda teriam que ficar trancadas.

Honestamente, mesmo que eu tentasse fazer uma skill de espada, a magia dentro do meu corpo não me deixaria me mover. Minhas mãos nem se moveriam de leve se eu tentasse mexer elas.

Eu tenho que continuar resistindo esta força mágica depressiva, também. Mas isso ainda não me impediria de me mover.

“Eu não devo manter aquelas duas garotas limpando minha bunda toda hora do dia.”

Eu visitei o gueto no lado de fora da cidade alguns dias depois.

É lá que aqueles lixos se escondiam, vendendo todo aquele Ramune, num prédio no fundo daqueles guetos.

Eu não vim aqui só para beber chá, afinal, eu vim aqui para ter algo trocado.

“Ah… é… deve ser igual como eu previ então.”

Diante dos meus olhos estava o sujeito encarregado do gueto.

Ele tentou se fazer parecer o mais normal possível, mas ouvindo seus subordinados, eu parti para encontrá-lo.

“Nós terminamos de checar a propriedade. É o mesmo preço que nós tínhamos concordado. Metade da quantia para cada um. Aqui, pegue isso e vá.”

Um saco cheio de moedas de prata bateu na mesa com um clunk.

Isso era metade do dinheiro que foi conseguido depois de vender os produtos que foram roubados do Grond naquele dia.

Este cara fez um contrato e me ajudou com isso. Por causa disso, nós fomos capazes de passar facilmente pelos guardas do Grond.

“…”
“Hey, você não consegue me enganar nem com essa cara. Mesmo se você realmente conhecer Jefein e fizer isso, isso realmente ferra comigo, certo? Você conhece o submundo, então você sabe disso tudo, certo?”

O cara só deu de ombros.

“Então cheque o que há dentro. Todo o dinheiro está dentro.”
“… bem, de qualquer jeito, isso não importa. Eu consegui o que eu queria feito. Isso sozinho basta.”

Tudo isto era apenas redundante.

Como eu pensei que era mais como uma taxa por todo incômodo por que passei, era legal receber algo a mais do que era necessário.

É por isso que eu peguei o dinheiro e puxei o pescoço do cara para mim subitamente.

“!!”
“Hey, você!”

Eu ignorei todos os subordinados dele e cochichei para ele.

“Este dinheiro não quer dizer nada. Eu não ligo sobre o quanto vocês cortaram para si mesmos. Mas apenas tente furar mais um contrato comigo.”

Eu disse fortemente na voz mais profunda que eu conseguia fazer.

“… e eu te esmagarei assim como eu fiz com ele.”
“Não se preocupe. Nós não queremos mexer com um monstro.”

O rosto do cara não mudou de cor, sem dureza, apenas suas palavras.

(Assim como esses caras do gueto, eles não lutarão neste caso.)

Então a encheção havia acabado.

Bem, vendendo ou mexendo comigo, melhor que você mantenha sua palavra.

“Lembre o que eu disse.”

O pano pelo pescoço dele se moveu com um fwup no que eu soltei ele, e voltei para casa.

ANTERIOR | ÍNDICE | PRÓXIMO

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s