[TWwCP] Capítulo 52 – Vamos Construir um Banho!

Desta vez, eu vou traduzir a nota do autor, porque parece interessante, então vamos lá – Este capítulo foi traduzido de Junk Burst.


Capítulo 52 – Vamos Construir um Banho!

No que a manhã chegou, eu fui tirar água do poço para lavar meu rosto.
Apesar de usar a pedrinha de 【Contínuo: Água】 também seria bom, eu acho que eu me sentirei mais refrescado usando água de poço fria para lavar meu rosto quando eu acordo.

Como Aisha cuidou de mim fazendo o jantar de ontem, eu pensei que eu deveria fazer a refeição de hoje.

Enquanto me sentia refrescado depois de lavar meu rosto, eu comecei a fazer café da manhã.

Quando eu havia terminado tudo menos o arranjo da comida, Aisha acordou.
Parece que ela ficou limpando até meio tarde na noite passada, já que é raro ela parecer estar com sono.

“Desculpe por não ajudar com o café da manhã.”

Eu sorri enquanto falava para ela não ligar, ela sorriu no que ela silenciosamente começou a me ajudar a colocar a comida.

“Está quase pronto, então você deveria relaxar. Eu fui mimado por você ontem, afinal.”

No que eu disse isso, ela terminou de colocar a comida.
Como esperado de 【Culinária Lv6】, ela tem boas habilidades.

“Eu estava pensando em discutir com o artesão sobre o banho como eu disse ontem depois que nós terminarmos nossa comida. Aisha conhece algum artesão habilidoso?”

“U–n, há o anão que a guilda pede para trabalho, então por que nós não tentamos visitá-lo?”

Um artesão anão! Ele parece que será habilidoso!
Ele pode ter algumas boas ideias, e podem haver coisas que nós precisamos pedir à ele depois disto…
Nós temos que tentar discutir com aquele artesão!

◆◇◆◇◆◇◆◇◆◇◆◇

Guiado pela Aisha, nós chegamos no anão artesão-san em questão.

Minha casa também é construída quase na borda da cidade, mas a oficina do artesão-san também foi erguida realmente nos subúrbios.
Apesar que os arredores da minha casa são nada além de terra vazia, então é meio solitário…

Há alguns prédios como a oficina e um bar por aqui, tem algum tráfego, então mesmo que seja chamado de subúrbios, parece um local bem movimentado.

“Artesão-san, você está aí~?” (NT: A maioria das palavras “artesão” daqui em diante é um honorífico, que também pode significar “mestre”, mas traduziram para artesão por não saber se vai ter algum outro mestre no futuro… e eu não tenho certeza de qual é a palavra, então vou traduzir também)

Aisha abriu a entrada e cumprimentou.
No que ela fez isso, uma anã que estava sentada num local estilo de recepção respondeu.

“Minha nossa, se não é Aisha-san. ‘Cê precisa d’algo do Mestre? Espere um minuto, eu chamarei ele agora mesmo.” (NT: Ela fala com algum dialeto que em inglês não sabem traduzir bem… vou fazer o que posso)

A recepcionista que tinha um padrão de fala inusual correu? com passos pesados até a porta da oficina. (NT: Interrogação no meio mesmo, eu não sei se foi o tradutor que não soube ou se é assim no original… a falta de notas me fez colocar também)

Um curto tempo depois, um jii-chan com um rosto que estava bem preto coberto numa coisa estilo fuligem, provavelmente de trabalhar em algo, e uma altura alta para um anão veio.

“Oh, se não é Aisha-chan! Eu ouvi que ‘cê acabou de deixa a guilda, estava preocupado sobre ‘cê, sabe.” (NT: Curiosamente, minha tentativa de abreviar para deixar num sotaque diferente parece caipira… que merda, agora que reparei)

Aquele que chamou Aisha com um sorriso esticando por todo seu rosto, parece ser o artesão desta oficina.

“Eeh, me desculpe pela resignação repentina. Eu vou me casar, então…”

No que Aisha olhou na minha direção e disse isso, o artesão ficou ciente da minha presença pela primeira vez.

“Bom dia! Meu nome é Myne!”

No que eu dei meus cumprimentos normais, o artesão parecia ter ficado um pouco espantado, mas imediatamente deu um largo sorriso com seus dentes aparecendo.
Bem como Otou-san e Okaa-san me ensinaram, cumprimentos são importantes!

“‘Tendi, ‘tendi, então ‘cê é Myne. Sou Roku, o dono dest’oficina. Lembre disso.”

Enquanto Roku-san ria com vontade, ele violentamente bateu nas minhas costas. (NT: Aquelas batidas entre amigos, é que era mais forte que o Myne esperava…)

… Isso dói, mas ele parece uma boa pessoa.

Vendo minhas costas sendo batidas, Aisha sorriu torto e me observou.
Não, não fique só vendo, eu apreciaria se você pudesse falar para ele parar.

O artesão bateu nas minhas costas por um tempo, apesar dele ter parado de bater, provavelmente satisfeito, e mexeu em sua esplêndida barba enquanto perguntava.

“E, pelo’que ‘cê vei’qui? Relatar seu casamento’u  alg’assim?”

“Não, nós queremos construir um banho na nossa casa, então nós viemos discutir.”

No que eu disse isso, eu contei ao artesão sobre minha ideia.

・Uma banheira meio grande.
・Alguns entalhes de 3cm x 3cm no lado da banheira.
・Mecanismo para água quente e mecanismo para inserir água não são necessários.
・O sistema de drenagem usará uma ferramenta mágica, e a água acumulará em um tanque de filtragem, e poderá ser re-utilizada para usos domésticos.

“U–n, se ‘cê deixar fora as parte de fazê e coloc’água, levará cerca de três dias, apesar que… ‘cês’tão realmente bem co’isso? Colocar a água nele é chato, sabia?”

Parece que normalmente, uma ferramenta mágica dedicada é usada para tirar água do poço ou de alguma fonte de água. Ela será então aquecida em um forno dedicado, que será então colocada numa panela de ferro.
Por causa disso, o custo de instalação e preço das ferramentas mágicas é ridiculamente caro, e o projeto ficará sendo de larga escala.

Com esse limite, banhos geralmente não se espalham para o público geral.

“Sim, isso não é um problema!”

Apesar do artesão ter ficado perplexo, ele disse ‘se ‘cê diz’ e pegou a construção do banho para minha casa.
Como parece que era uma hora calma para a oficina, eles irão imediatamente começar a desenhar a banheira para hoje.

Artesão-san disse que ele trará junto alguns de seus discípulos e virá para minha casa e começará o trabalho no local.
A conversa está progredindo mais rápido do que eu pensei.

Desse jeito, isso pode ficar pronto antes da Sylphy voltar.
Eu sou realmente grato ao Artesão-san.

◆◇◆◇◆◇◆◇◆◇◆◇

“Qu’isto, esta nã’é a casa do Dyne? Myne é filho do Dyne?”

No que eu estava guiando o Artesão-san pela casa, eu fiquei subitamente surpreso.
Eu ouvi que ele era amigo do Otou-san.

Otou-san, eu sabia que você tinha um grande círculo de amigos, mas…
Açougueiro-san, Alquimista-san, Dono da loja de Arma-san, Dono da loja de Armadura-san… e também Artesão…

Isto não é um pouco grande demais?

Sabendo que eu sou filho do Otou-san, o Artesão ficou tremendamente motivado.
Eu ouvi ele murmurando que ele pode mexer na casa de Dyne, mas que ele nunca tolerará quaisquer concessões.

Como se ele fosse outra pessoa, ele chamou seus discípulos.

“Ouçam bem! Melhor ‘cês fazer disto o melhor trabalho de ‘cês!”

Aisha e eu nos olhamos e sorrimos torto pelo vigor dele.

Motivados pelo Artesão, os discípulos também pareciam ter ficado motivados, e eles completaram o design interior num piscar.
Além do mais, isso evidentemente parecia feito mais extravagantemente feito do que os acordos prévios.

“Ar, Artesão-san… isto é mais grandioso do que nós estávamos preparados!”

Apesar de eu ter alguma folga financeira, eu tenho algo como um orçamento, então…

“Não se preocupe co’isso, eu irei pel’orçamento anterior. Deixan’o isso d’lado, ‘cê deve esperar por’isso, eu farei um banh’íncrivel que não perderá nem para dos hotéis d’alta classe.”

Aah, o Artesão está se comportando de modo inconsequente.
Eu não posso mais parar isso…

No fim, a construção procedeu até tarde da noite, e tudo foi completo exceto pelo aquecedor do banho.
Como ele disse que o banheiro estava além dos limites por um tempo por questões de higiene ou algo assim, eu não vi o banheiro completo, mas provavelmente será algo incrível, huh…

Quando os artesãos incluindo os discípulos retornaram, seus rostos de homens que haviam realizado algo pareciam estranhamente impressionantes.
Eu imagino se está tudo bem, apesar que eu tenho uma impressão que isso acabará indo muito além do orçamento…

No dia seguinte, um discípulo-san veio passar o fato que o trabalho será suspenso hoje já que o desenho banheira está levando algum tempo.
Discípulo-san… essas olheiras nos seus olhos, não me diga que vocês estiveram nisso desde que vocês voltaram??

O dia seguinte foi o oitavo dia desde que Sylphy seguiu para a capital.
Se ela voltar mais cedo, então deve ser a qualquer momento agora.

Até lá, eu quero surpreender ela com o banho completo de um jeito ou de outro.
Falando direito, foi arranjado para ele ser completo hoje, mas… Artesão agiu de forma imprudente e construirá um banheiro que superará até aqueles de hotéis de alta classe, então é difícil dizer se ele ficará completo ou não.

Contudo, eu não posso possivelmente pedir coisas irrazoáveis das pessoas que estiveram trabalhando duro para completar isso na oficina até eles terem olheiras.

Manhã virou tarde, e Artesão trouxe seus discípulos juntos para minha casa no que eu estava relaxando.

“Fiz a melhor banheira!”

Enquanto dizia isso com um sorriso esticado pelo seu rosto inteiro, ele seguiu para o banheiro que está sob construção.

Ele parece ter seriamente planejado em acabar isso por hoje.
Eu ouvi isto do Artesão depois, mas… ele disse que fazer o melhor produto e atender o período de construção mesmo quando algo acontece no meio do caminho é um dever de artesão.

Enquanto pode ser verdade que ele estava agindo de forma imprudente, Artesão trabalhou de acordo com o plano de três dias que ele havia falado no começo.
Aisha me apresentou a um artesão-san realmente bom, não.

Há também a questão sobre Otou-san, mas esta atitude é algo de que eu preciso aprender muito.

… Bem, apesar que eu acho que os discípulos certamente tiveram alguns pensamentos suicidas.
Eu realmente sinto muito!

Cerca de duas horas mais tarde… o banho que o Artesão colocou tudo de si ficou completo.

“Há algum tempo por questões de higiene, então por que ‘cê não me faz um favor e usa ele amanhã? Ah, ist’é realmente uma obra prima.”

O preço original que nós concordamos eram 800 moedas de ouro.
Contudo, olhando para o banheiro completo, isso seria inescusável por sua qualidade, mesmo quando um homem médio como eu olho para isso.

No que eu dei uma olhada no banheiro completo, era um banheiro extravagante, maior que o banheiro no Pavilhão do Sino Prateado em que nós ficamos na Cidade de Adol.
Ele sendo grande é uma questão clara, já que eu pedi por um banheiro meio que grande, mas ver e ouvir é completamente diferente.

Além do mais, de acordo com o Artesão, o piso é feito de pedra alguma coisa (eu ouvi o nome, mas não me lembro direito), um material de alta classe.
Parece que esta pedra é difícil de se escorregar e a água seca rapidamente, então seu custo é alto, e definitivamente algo usado em banheiros.

Além do mais, as paredes estão cobertas com tábuas que soltam um cheiro bacana.
Como se em uma floresta, a fragrância acalma os nervos da pessoa, e é também um material dos bem caros.

E então há a banheira.
Esta banheira parece ser feita de um material de alta classe diferente do piso, e tem um belo acabamento preto lustroso.

Além do mais, decorações bem pequenas estão gravadas nela, e parece uma obra de arte.

Os buracos que eu pedi para colocar as pedrinhas foram também feitos precisamente. Pode ser dito que o trabalho nem perde para os de hotéis de alta classe, assim como o Artesão havia dito.

Eu expressei minha gratidão para o Artesão, e entreguei mais de 10 moedas de platina pelo custo.
Apesar de ter sido mais do que o custo anterior, eu ainda senti que não era o suficiente.

Apesar do Artesão ter recusado firmemente, Aisha e eu nos curvamos e dissemos que era nossa gratidão sincera do coração, e ele relutantemente aceitou.

De qualquer forma, o tão aguardado banho foi completo.

Vamos esperar para entrar nele amanhã.


Nota do Author:

Obrigado por ler como sempre.

Como há várias opiniões sobre Regeneração, eu escreverei um pouco sobre minha ideia.
Algumas pessoas apontaram sobre retornar aos materiais, mas na verdade, eu pensei sobre isso desde o começo.

Eu estava pensando em explicar na história de agora em diante, mas como eu não sei se eu posso explicar isso durante o caminho dos eventos, eu escreverei isso aqui.

O ponto de partida da regeneração é quando um nome é ligado ao objeto alvo, resumindo, quando esse objeto alvo vira essa existência.
Por causa disso, equipamentos como “Adaga de Aço” terá regeneração feita até seu nome virar “Adaga de Aço”.
É muito próximo ao que ShamNeko-san pensou. (NT: Algum comentário no original, aparentemente)

Contudo, se esta ideia é trazida para seres vivos, eles retornarão a ser bebês.
Por causa disso, coisas vivas e objetos em descanso são tratados diferentemente quando se trata do ponto de partida (Até eu acho que é forçado).

Porque Cortar também está sendo lidado diferentemente, eu ficarei grato se vocês puderem pensar nisso assim.

O ponto de partida de seres vivos é a condição sem afetar crescimento.
Em outras palavras, eles retornarão à condição onde eles não tem feridas ou perdas.

Também, se a coisa que Regeneração estiver ligada for julgada como “morta”, seu coração parou, ou o cérebro foi destruído, esse será o ponto de partida.
※Trolls estão tendo seus corações esmagados e morrendo.

Regeneração somente regenerará o corpo, mas não pode retornar almas cortadas.
Claro, há um monte que pode ser respondido aqui, mas se for isto, dá para entender.

Apesar que pode parecer que ele reviverá se estiver morto, mas se o corpo reviver, a mente não será, algo assim.

Mais uma coisa.
É sobre água mágica, como é ficção, não há problema como água potável nem para banho.
Eu apreciaria se vocês puderem sentir que água contém poder mágico e terá um bom gosto.

Esta explicação deve ser colocada em texto, certo.

※Contudo, as opiniões de mina-san são realmente incríveis.  (NT: Mina-san = pessoal, galera, magote)
Eu sempre estou seriamente admirando (apesar de eu dizer que eu estou sem pensamentos…..)
Eu realmente estou pensando que não seria melhor se todos escreverem ao invés de mim. (NT: Isto deveria ser uma pergunta, não?)

Apesar que este trabalho é por um autor assim, por favor cuidem de mim de agora em diante também.

ANTERIOR | ÍNDICE | PRÓXIMO

Anúncios

4 respostas em “[TWwCP] Capítulo 52 – Vamos Construir um Banho!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s