[NnY] Capítulo 26 – As Noites Sem Dormir da Princesa

Eu podia alterar o título para ser algo como “A Princesa Passa Noites Sem Dormir”, mas não fica tão legal, e ela não merece isso… mas vamos lá – Este capítulo foi traduzido de Light Novel Bastion.


Capítulo 26 – As Noites Sem Dormir da Princesa

Dez dias se passaram desde aquele dia, o dia da minha terrível traição.

O dia que eu conduzi a invocação de herói sob as ordens divinas do Grande Espírito. Assim como o Grande Espírito comandou, eu ofereci pessoas-Fera que nós havíamos mantido em estoque como sacrifícios vivos e o ritual de invocação de herói teve êxito.

Contudo, aquele que foi invocado não demonstrou sinal de ser capaz de raciocinar, menos ainda qualquer refinamento.

Mesmo quando eu teria obedecido o Grande Espírito e deixei o invocado de outro mundo experienciar um curto sonho como um herói. (NT: Eles dão ênfase que, enquanto de outro mundo, seria um ser não-humano – coisa que funciona no japonês só)

“…”

As cicatrizes nas minhas costas doem.

『Eu não obedecerei vocês.
Esses pedaços de lixo são avisos meus.
Eu definitivamente lhes darei ainda mais do que isto.
Eu levarei tudo de vocês, então estejam preparados.
– do Segundo Vingador』 (NT: Eu ia mudar para Nêmesis Ressurgente, mas eu não sei se ele colocou isso na carta, então…)

Minhas costas, que já foram elogiadas pelas minhas atendentes mulheres como sendo brancas como porcelana, ainda tem cicatrizes remanescentes de terem essas palavras queimadas e cravadas nelas.

Enquanto magia de cura podia restaurar HP, leva tempo para apagar feridas externas. Os únicos neste vasto continente capazes de usar magia que podem instantaneamente curar tudo são provavelmente os indivíduos da república de nível arque-bispo.

Ainda assim, a magia de cura sendo conjurada em mim todo dia está tendo um efeito, e os cortes queimados nas minhas costas estão curando, pouco a pouco. Apenas leves marcas estão sobrando agora, e elas desaparecerão de forma limpa em mais alguns dias.

Claro, a dor desapareceu faz tempo, mas elas pulsam toda vez que eu lembro daquele homem.

Depois que o homem deixou a sala naquele dia, os fios esticados foram cortados e eu perdi a consciência, como que escapando da dor. Os cavaleiros posicionados do lado de fora nos resgataram por volta da meia noite, e na próxima vez que nós abrimos nossos olhos, nós nos encontramos num quarto privado do castelo real.

Cavaleiros verdadeiramente fortes, incluindo o capitão da Ordem dos Cavaleiros, possuem cicatrizes em seus rostos e corpos por essa provação. Não há tempo sobrando para remover as cicatrizes de maneira limpa, e aqueles rostos torrados podem até ser usados para intimidar inimigos no campo de batalha, então nós estamos deliberadamente deixando eles assim. Mas vai sem dizer que a aparência deles agora é monstruosa.

Nós havíamos preparados apenas cavaleiros o suficiente para dar uma impressão para que o Herói, que não sabe de nada, não se sentisse esmagado. Mas agora metade deles estão atualmente deitados num prédio de tratamento.

Mesmo quando eu recebi magia de cura com a maior prioridade, levou um dia inteiro para curar o interior queimado, inflamado da minha boca o suficiente para que eu pudesse falar.

Os cavaleiros tiveram seus membros quebrados e dobrados de formas cruéis, seus rostos foram esmagados e eles foram deixados em um estado onde seus corpos mal sobreviveram.

O rosto da princesa ficou inchado de ser socado; ela teve seu cabelo sujo e espalhado pelo chão, e palavras foram queimadas e cravadas nas costas dela como marcas.

Apesar de ninguém saber os detalhes exatos do que aconteceu e nosso comportamento claramente ter sido inatural, a informação sobre o criminoso circularam tarde demais.

Um grande número de cavaleiros cercaram o castelo apenas por precaução, mas foi concluído que ele provavelmente usou um poder de teleportação ao invés de escapulir do prédio. Nem mesmo inspeções básicas foram realizadas na capital real até eu ter me recuperado o suficiente para falar sobre a situação.

O que aquele homem levou, dizendo algo como se tornar os fundos militares dele, é o colar que prova a posição de quem o veste como primeiro candidato à sucessão do trono.

Como ele contém o brasão real, não é algo que ele possa facilmente converter em ouro. Se ele tentar vender isso normalmente em uma loja, será possível rastreá-lo. Mesmo se ele levar isso para fora da capital real, não será impossível persegui-lo.

Aquele colar é algo que eu herdei de minha Onee-sama. Não é algo que uma fera como ele – não, alguém além de mim, deva tocar.

“Eu nunca lhe perdoarei…”

Eu nunca perdoarei ele. Eu pegarei o colar de volta, causarei àquele homem tanta dor que ele implorará para mim por perdão, e então eu o matarei.

Isto é o que eu decidi, e eu tive os cavaleiros reunirem a informação relevante para conquistar isto. Mas nós não achamos nenhuma pista notável por vários dias, então nós havíamos assumido que ele poderia já ter levado o colar para fora da capital real.

Foi ontem quando nós recebemos um relatório de que o calor havia sido encontrado por um certo nobre.

O colar será devolvido para mim na primeira audiência real de hoje. Há uma família de condes de que não gostam na capital real por causa do senso de justiça esmagador deles, mas eu ouvi que eles tinham bens ilegais confiscados que estavam sendo negociados nas áreas mais negra da capital real, e o colar esteve misturado entre eles.

“Hime-sama, é quase hora.” (NT: Princesa… assim como onee-sama é irmã mais velha)

“Sim, eu sei.”

Respondendo as palavras de minha atendente, eu ajustei minhas roupas mais uma vez antes de seguir para a câmara de audiência.

 

Na câmara de audiência, meu pai, a figura firme do Rei Logia Auraulea se senta no trono. Sentada ao lado dele está minha mãe, Rainha Lecilia Auraulea, cuja beleza não sumiu nem um pouco apesar de ter quase quarenta anos.

Eu estou sentada no assento do lado oposto dela. (NT: Pelo que entendi, é do outro lado do pai dela)

O Primeiro Ministro da nação, Lawbenz, está de pé entre meu Pai e Mãe, enquanto Guidot, o capitão da Ordem dos Cavaleiros, está de pé entre meu Pai e eu.

“Eu retornarei este item para a família real.”

Uma atendente mulher aceita o colar do nobre no auge de seus anos de vida que está ajoelhado diante de nós em um pedestal, e então traz o pedestal para cá.

Suprimindo a vontade de correr e catar o colar imediatamente, eu peguei o colar da atendente e coloquei ele ao redor do meu pescoço.

E então eu percebi que meu corpo havia sido revirado pela mana contida dentro do colar. Naquele momento, uma leve luz verde brevemente cobriu meu corpo inteiro, e então desapareceu sem um traço.

■-■■■■! Você está bem!?”

Meu pai, o rei, me olhou no que ele perguntou esta questão. Mas eu fui incapaz de ouvir o começo de sua sentença.

“S-sim, Otou-sama. Eu estou bem.” (NT: Pai, se já não falei isso em algum lugar nesta série)

No que eu chequei o estado do meu corpo, eu não sinto quaisquer anormalidades para se mencionar.

“Entendo, mas apenas o que era aquela luz? …■■■■■, ■■■■■, vocês sabem algo sobre isso?”

“■■■, ■■ é um mero cavaleiro; talvez ■■ ou ■■ possam saber algo sobre isso?”

“… Não, não pode ser, isto é…”

O Primeiro Ministro da nação soltou um cochicho com uma expressão séria em seu rosto.

Mas neste ponto, até eu percebi o que está acontecendo comigo..

“■■■, ■ não sou um especialista também, então não posso dizer com certeza, mas… aquela luz mágica agora pouco pode ter sido uma maldição.”

” Q-que, mas não há nada de estranho acontecendo com ■■■■…”

“O-Otou-sama, suas vozes – não, palavras que identificam pessoas, eu não consigo ouvi-las.”

“Q-que? O que você quer dizer?!”

Eu consigo ouvir as palavras que eles estão falando. Mas os nomes de pessoas e pronomes estão desaparecendo antes que pudessem alcançar meus ouvidos.

Entrando em pânico, eu tentei remover o colar, mas ele não se abre.

“E-ele não sai; eu não consigo remover o colar!”

A ansiedade de ouvir a palavra “maldição” e a sensação de não entender completamente o que está acontecendo corre pela minha mente.

Deste ponto em diante, tempo se passa de uma forma caótica.

Primeiro, todos no castelo que possuem conhecimento em magia são reunidos. Contudo, os soldados preenchendo o castelo só aprenderam feitiços para usar em combate, então eles não possuem a habilidade para explicar a teoria por trás do que está acontecendo.

Nós chegamos a conclusão que isto não é uma maldição que precisa ser purificada por um sacerdote, e que invés disso algo precisa ser feito sobre a fórmula do feitiço do colar.

Uma camuflagem sofisticada foi aplicada ao colar, e aparentemente ninguém além daqueles com conhecimento especializado podem fazer algo sobre isso.

Nos dias seguintes, as pessoas da cidade universitária são convidados aqui e pesquisa em como lidar com a maldição continua.

“Isso é o suficiente por hoje; eu desejo ficar sozinha. Por favor saiam.”

No que eu digo isto e eu sou deixada sozinha em meu quarto, eu cerro esfrego meus dentes em frustração por esta terrível situação.

No que eu sou a herdeira ao trono, é necessário que eu forme quantas conexões quanto possível com os outros neste momento. Colocando isso de forma simples, eu preciso construir uma fundação sólida para mim.

Como este reino foi fundado por uma mulher, a nação não evita ter uma rainha governando ela, mas há ainda uma necessidade de provar que eu sou digna. (NT: Mas você não é…)

É por isso que eu tenho que participar ativamente na alta sociedade, mas não só eu não posso ouvir os nomes das pessoas neste momento, eu não consigo nem ouvir as palavras “ele”, “você”, “mim” ou “eu”.

Isto não me atrapalha de viver uma vida normal ao redor das pessoas que eu conheço bem, mas é mais do que um obstáculo fatal para manter conhecidos em alta sociedade.

Mesmo com indivíduos excepcionais trazidos para a capital real da cidade universitária, levará ao menos dois meses para remover esta maldição. E mesmo se eu for capaz de tirar este colar imediatamente depois disso, eu não consigo nem imaginar as repercussões de ser atrasada por dois meses inteiros.

“Fuh, isto não é bom. Meus pensamentos estão seguindo numa direção ruim.”

De qualquer forma, eu estou cansada.

Eu esvaziei uma xícara de lente morno dentro, levemente ajustei a manga do meu pijama e me levantei da minha cadeira.

No que eu entro na cama que é feita do pelo de monstro da mais alta qualidade, eu imediatamente deixei minha consciência sumir nas profundezas do sono.

… Sem conhecimento das noites sem dormir que estão prestes a começar.

 

“UGUAAAAH!”

“Kuh, isto não está funcionando; a magia de cura não está tendo efeito algum.”

“Entendo… droga, quando as pessoas da cidade universitária chegarão aqui?!”

Tarde na noite, alguém capaz de usar magia de cura foi invocada apressadamente ao meu quarto, e o rei, meu pai, está aqui também.

Faz três dias desde que eu coloquei o colar, e eu estou subitamente atacada pela verdade que esteve rastejando em mim lentamente.

As queimaduras nas minhas costas que deveriam estar curadas a cada dia que se passa estão ao invés disso piorando.

Como se a cura das feridas está sendo revertida.

Dor passa pelas minhas costas, como se alguém está lentamente me queimando.

É a exata mesma dor que eu sofri dessas queimaduras que levaram múltiplos dias para curar.

“Guuuh, ugh, haah, haaauh!”

As feridas retornaram à um estado onde eu não consigo mais dormir de costas.

É a sensação de agulhas espetando minhas feridas.

No que a mana do colar está cobrindo as feridas nas minhas costas, radiando uma luz leve, está claro que isto é coisa do colar. Mas mesmo se meu Pai fosse anunciar isso, não há ninguém que possa fazer algo sobre isso, e magia de cura também não tem efeito.

A dor faz meu senso de tempo gradualmente ficar vago.

Antes de eu perceber, meu Pai e o usuário de magia de cura desapareceram do meu quarto. Não, talvez eu tenha pedido com sinceridade para que eles saiam.

Meu orgulho como uma princesa não me permitirá ser vista em um estado assim por ninguém.

“Eu nunca irei… perdoá-lo…”

Apesar de não haver prova nem nada, eu vagamente entendi que isto é coisa daquele homem.

É por isso que eu nunca direi que isso dói; eu nunca pedirei para alguém me salvar. Ao invés disso, eu prendo as emoções escuras causadas pela dor com correntes queimantes, tingindo elas mais e mais de preto, numa cor preta pura.

Eu definitivamente afundarei o homem que corrompeu este colar, o monstro de outro mundo pretendendo ser um humano, nas profundezas do desespero. (NT: Você já fez isso, só não sabia disso…)

“Eu nunca irei… perdoar… aquele homem. Eu definitivamente terei minha vingança!”

A princesa mastigará as emoções que foram tingidas de preto pela dor e passará a noite saboreando seu sabor, tendo certeza de não derramar nem uma gota disso.

“Guh, kaaaaah, higyih, ugh, AAAAH!”

É por isso que eu, a princesa, não dormirei.

ANTERIOR | ÍNDICE | PRÓXIMO

Anúncios

Uma resposta em “[NnY] Capítulo 26 – As Noites Sem Dormir da Princesa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s