[NnY] Capítulo 23 – O Herói Sonha com Desespero (1)

Na realidade, o título “correto” seria O Sonho de Desespero do Herói, porém considerando que a regra é sempre “O Herói _____”, eu não quis mudar isso… os capítulos que não seguiam essa lógica nem falavam dele, se for ver, mas vamos lá – Este capítulo foi traduzido de Daily-Dallying.


Capítulo 23 – O Herói Sonha com Desespero (1)

“Oy, ouça isto. Parece que o Herói-sama, ou aliás, aquele cara Herói tinha conexões por baixo com o Demonkin. Ele matou a Maou anterior e se tornou o Maou ele mesmo. Há rumores ultrajantes circulando por toda parte neste momento, mas virou uma coisa séria por trás das cenas.”

“Ceeerto, eu ouvi, eu ouvi. Aquela revolta nos guetos de antes também, era na verdade o Herói-sama, não, seria Maou agora? Tanto faz, é um saco. Herói funciona. Acabou que a rebelião foi um resultado do Herói indo ‘já que os residentes dos guetos são como lixo, faça todos eles escravos logo.’ e irrazoavelmente empurrando isso. Eu tenho pena do Rei já que a pessoa que derrotou a Maou é dita ser aquele Herói, provavelmente não há ninguém no reino forte o suficiente que possa ser despachado atrás dele.”

“Aquele Herói que virou um Maou e o Rei que amargamente soltou aquele édito também, eles não parecem que compensarão aqueles caras que caíram em escravidão. E não é como se aqueles caras escravizados cometeram qualquer crime em particular, eles eram apenas um bando de plebeus simplesmente incapazes de pagar por comida com a súbita inflação de preço. Verdadeiramente a escória da terra.”

“É, ter que se endereçar respeitosamente à um cara assim só me faz querer vomitar.”

A Capital Real de noite, em um bar não longe da rua principal.
A chuva que caiu do céu sério era como se um deus tivesse tropeçado em um balde d’água acima das nuvens.

(Arrombados, falando merda como querem…)

Escondido sob um capuz fundo o suficiente para obscurecer os olhos, eu observei os arredores, enquanto lentamente dava goles no resto da bebida com pouco álcool feita de uma fruta estilo limão diluída com água. (NT: O Herói Bebe Caipirinha)
O que podia ser ouvido ao meu redor eram reclamações sobre a chuva tornando impossível de caçar, e as esposas que não queriam aumentar as mesadas dos homens. Eu não consumi álcool o suficiente para ficar bêbado, então meus pensamentos acabaram ficando introspectivos no lugar disso.

Essa noite em um bar foi meio ano depois do mesmíssimo dia em que eu matei a Maou com essas mãos. Durante esse período, onde quer que eu ia, eu só podia ouvir os rumores sobre o Herói, eu, mudarem para os piores tipos, seus conteúdos deteriorando por dia.

Neste mundo diferente, a capital, um lugar que eu havia provavelmente ficado por mais tempo, já era território completamente hostil. O dia quando eu comecei minha jornada fazendo um estardalhaço por ser o Herói quase parecia um sonho.

Eu mudei minha aparência para parecer o gênero oposto com a 【Mirror Sword of the Heavenly Evil Spirit】. Se eu não fizer com que ninguém pudesse dizer que era eu, então eu provavelmente não seria capaz de andar em público. Na verdade, se não houvesse ninguém que pudesse ser um aliado, então eu provavelmente não seria capaz de entrar na cidade em primeiro lugar. (NT: Espada Espelho do Espírito Maligno Celestial/Paradisíaco… A palavra é Heavenly, de Céu, mas… foda-se)

Por este ponto, eu sofri incontáveis ataques por aqueles que foram uma vez aliados.
E eu não conseguia pegar sentido das razões por trás de todos aqueles ataques.

O guerreiro de grande integridade moral que disse que seu sonho de virar o Herói número um não podia ser realizado enquanto eu estivesse por perto.

A dançarina que era como uma irmã confiável durante a jornada que disse que era tanto pelo sonho do guerreiro, seu marido, como pela enorme recompensa que estava na minha cabeça.

O mago esquisito que estava preocupado sobre seus arredores durante a jornada que disse que ele precisava do meu corpo como um espécime de pesquisa para poder deixar uma marca na história.

O mercador que eu ajudei a desenvolver mercadorias com conhecimento moderno que mirou em minha vida devido à estar preocupado com a possibilidade de eu derrubar seu monopólio ao passar esse mesmíssimo conhecimento moderno para outros mercadores.

O artista marcial insocial, mas que ama animais, numa jornada de auto-aperfeiçoamento que tentou me matar para aumentar seu level.

O ex-assassino enviado pela família real que foi salvo de numerosas crises por sua habilidade em espionar que cuspiu sem hesitação que ele tinha que me matar por um decreto real enquanto me olhava com olhos frios.

Os aldeões que foram salvos pelo caminho que me olharam com olhos cheios de ganância enquanto pediam por perdão por me venderem por uma recompensa.

E finalmente, a Santa de bom coração que sempre esteve ali para encorajar e animar alguém, que me marcou como um “Inimigo de Deus” e “Alguém que se tornou o Maou” nunca divulgando a razão pela sua traição, mesmo quando perguntada diretamente.

O Reino, o Império, o Beastdom e a República, os países que eu supostamente protegi todos ficaram hostis. (NT: Beastdom… Claramente é um país de “feras”, mas… eu acho que só pegou kingdom e fez virar beastdom… não parece ter outro significado/origem)
Um grande número de gente aceitou as proclamações do reino sem qualquer dúvida e toda vez que descobriam que eu era o Herói, eles me espantavam com xingamentos e pedras, como um leproso.
Mas ainda agora, eu não queria acreditar que eu fui traído e eu queria chorar até meus olhos caírem.

Me escondendo como um criminoso faria, depois de grandes esforços, eu vim até a Capital Real enquanto cercado pelo mar de hostilidade. Toda a dor e tristeza quase me fizeram desistir numerosas vezes.
Ainda assim, o que manteve meu coração quebrado em um pedaço foi a promessa dela, a Maou.

『Eu tenho certeza que você retornará para sua casa, para sua família.』

… Essa foi a promessa que eu tive com a garota que me fez propositalmente matar ela.

Ela era uma garota com muitas coisas para se notar.
Uma mentirosa tímida, uma covarde cheia de fanfarra, uma pessoa obstinada.
Mesmo quando rindo alegremente, ela era uma chorona.
Mesmo quando arrogante e egoísta, ela era sensível à como eu me sentia.
Uma garota que adicionava cor para este mundo monocromático com seu ódio esmagador.

Eu toquei a pequena mala de linho que estava pendurada no meu pescoço.
Dentro dela estava o núcleo mágico dela contendo uma enorme, digna da Maou, quantia de mana. O núcleo era para o Demonkin o que um coração seria para humanos.

A magia de invocação de Herói requeria uma vasta quantia de mana.
Minha invocação consumiu os tesouros da antiguidade passados pela família real. Apesar de reunir vários deles, eles tiveram a mana completamente consumida e pareciam ter se tornado absolutamente lixo.
Para compensar por toda essa mana requerida, ela trocou sua vida e me entregou esse núcleo mágico para mim. Era algo que eu sempre busquei para que eu pudesse retornar para meu próprio mundo.
Isso pertencia àquela garota que, enquanto dizia que não haveria amargura se fosse a vitória ou derrota dela, se permitiu ser morta de propósito no final.

『É uma pena, não parece que eu irei com você para seu mundo. Bem, ainda está tudo bem. Eu sempre estive recebendo coisas do Kaito, com isto, até onde meu débito vai, estaremos quites. Eu disse antes que eu sou uma mulher que devolve direito o que é emprestado, não disse.』

“Eh, você… você sempre está exagerando.”

『Eu tenho certeza que você retornará para o mundo anterior, para sua casa, para o lugar onde sua família está. Contudo, eu ficaria ofendida em ser esquecida imediatamente, então por um tempo, viva enquanto chora. Faça um túmulo ultra esplêndido para mim e se afogue em lágrimas enquanto pensa em mim. Kaito, porque você está sempre pensando em sua família no seu próprio mundo, eu irei te monopolizar por ora! Kukuku, ah, assim mesmo a morte é inesperadamente algo para se esperar ansiosa.』

“Esperar ansiosa? Mesmo quando você é uma covarde? Você está fazendo um trabalho muito ruim mentindo agora.”

『Certo, há mais uma coisa que eu desejo de você em seguida. Viva enquanto pensando que você pode morrer a qualquer momento, e termine todo e qualquer assunto inacabado sem deixar nada sem resolver para trás. Eu estou te dando minha vida, se você dizer adeus à uma vida que parece que você jogou fora aleatoriamente no meio do caminho, eu absolutamente não te perdoarei. Então se prepare já que eu irei te observar direito. Se você me mostrar um tolo, então eu irei ou renascer e lhe dar uma surra certa ou começarei a te assombrar como um fantasma!』

“Não tem problema se você nascer de novo ou me assombrar, só apareça, ok?”

A voz da garota que estava torrando o interior do meu ouvido e perdia força cada vez que ela respondia.

Várias falas de nossa conversa final passaram pela minha mente.

Ela era uma garota egoísta até o fim. E eu, que havia permitido isso, era o pior dos homens.
Mais como, olhando para como eu era agora o alvo das pessoas que pediram “Derrote a Maou”, eu realizei isso.
Vindo tão longe, eu absolutamente não tinha como refutar as palavras “Grande Tolo” com que a garota me chamou. Verdadeiramente, eu era um idiota, tolo inútil pedaço de bosta. Pela hora que eu notei, já era tarde demais e eu só podia lamentar minhas escolhas.

Precisamente por causa disso, eu tinha que proteger a promessa que eu fiz no fim, não importa o que acontecesse. Para cumprir meu voto à Maou e conquistar a reunião com minha família. Esse era meu único apoio neste momento.

Antes que eu notasse, o licor no meu copo sumiu.

“Hey, moça, você parece bem sombria aí. Por que não bebe com a gente? Nós pagaremos se você concordar.”

“… Não, obrigada. Oy, eu deixarei o dinheiro aqui.”

“Ah, OY!! Tch-, o que há com isso, não teve graça alguma.”

Bruscamente rejeitando o convite do bêbado generoso, eu deixei o bar com dinheiro pelo meu copo de licor na mesa.

Assim que eu fui para fora, o robe foi atingido por gotas grandes, estourando, e começou a ser difícil manter a chuva fora.
Este tipo de clima estava previsto com antecedência, então os pedestres eram esparsos.

Por ora, tendo ficado sóbrio com o uso da 【Herb Insect Wing Sword】, eu segui para a entrada mais próxima dos guetos. As pessoas que eu salvei dos monstros quando a parede desmoronou durante o ataque dos Wall Eaters viviam lá. Eles me guiaram para a capital real e me arrumaram um lugar para me esconder em troca do favor daquela vez. (NT: Espada de Asa do Inseto Erva)

Eu havia originalmente pretendido retornar para a capital real por alguns dias e me infiltrar no castelo real na noite seguinte. Meu objetivo era a sala onde eu fui invocado pelo ritual.
O Rei, Rainha e as corporações de cavaleiros pareciam estar ausentes da cidade.
Eu meio que queria perguntar para eles por que o Reino me traiu e se eles realmente acreditavam na conversa de eu virar o próximo Maou depois de derrotar a anterior. Contudo, no fim, eu priorizei mais retornar para meu próprio mundo.

“… Foi uma boa ficar completamente sóbrio, huh?”

Sem parecer não ser natural, eu deixei a rota indo direto para o esconderijo e entrei em um beco próximo ao invés disso.
Claro, eu fui cuidadoso para não expor meu caminho original com antecedência.

“Mah-, você tem qualquer assunto comigo? Eu não realmente me recordo de dar razões para alguém me perseguir.”

Por um instante, eu esqueci que eu estava disfarçada como uma mulher e quase acabei falando como eu mesmo.
Eu perguntei minhas questões depois de levá-los até uma rua deserta de pessoas. Foi direcionado para os indivíduos que me seguiram desde que eu deixei o bar sem jamais se aproximarem demais ou ficarem muito para trás.

Depois disso o silêncio caiu no beco.

Assim que eu estava pensando em confrontar devido à recusa deles em responder, um par de homens vestidos completamente de preto, da cabeça aos pés se mostraram.

“Madame, você seria Herói-sama? Se você é, -!!”

Combinando 『Godspeed』, a skill mais avançada em Haste, e 『Encolher Chão』, a skill mais avançada em Sky Walk, eu fui para trás do homem antes que ele conseguisse piscar e pressionei a 【Twin-Edged Blade of Light and Shadow】 contra seu pescoço. (NT: Godspeed é literalmente velocidade de deus, mas pode significar também algo do tipo “boa sorte” fora desse contexto… e a espada se chama Lâmina de Dois Gumes de Luz e Sombra, algo assim)

“Quem lhe contou isto? Não deveria haver uma única pessoa nesta cidade capaz de ligar o Herói à esta aparência.”

“P-por favor espere! Nós estamos sob as ordens da Princesa!! Nós só estamos aqui para confirmar a verdade por trás dos boatos de uma garota que parecia com o Herói!!”

Olhando por esse ângulo, eu certamente tinha um rosto memorável. E também, se minha memória não me falha, esses caras devem ser aqueles atendendo a Princesa como guarda-costas dela.

“Alesia, a Princesa do Reino que me traiu, eh? Que uso ela teria para mim depois de tanto tempo?”

“A-a Princesa não lhe traiu!! Nós somos seus aliados que sabem seu desejo!! Nós fomos enviados para bravar perigo para que você possa retornar para seu mundo, como pelo seu acordo original!!”

“………”

“Suas Majestades usaram o fato que a Teocracia lhe proclamou como o próximo Maou para defletir a inquietação provocada pelo governo tirano deles em você. A Princesa esteve atacada de tristeza por isto! Também, o ritual de invocação é um segredo da família real. Qualquer um pode preparar as oferendas para a magia cerimonial, contudo, o ritual em si só foi passado através de tradição oral!! A assistência da Princesa certamente será algo útil para você!!”

Isso certamente acertou onde dói.
Eu não era bem versado em magia em si. Eu não podia realmente usar magia sozinho, todos feitiços mágicos e skills que eu tinha acesso eram completamente amarrados à Soul Sword.

Logo, se as coisas não acabassem assim, estaria tudo bem em pedir diretamente para a família real pela magia para me enviar para casa.
Bem ali meu plano era me infiltrar na biblioteca do castelo real para procurar por informação. Contudo, se eu fosse acreditar o que este homem disse, então qualquer tentativa assim era inútil.

“… Então, o que você pretende fazer comigo, uma vez que me achou?”

“Se-, se você quisesse, eu lhe levaria para ver a Princesa, até neste momento se requirido, e… antes disso, para nossa casa segura. Não se preocupe, nós somos seus amigos.”

Eu posso confiar neles?
Eu não encontrei diretamente com a Princesa desde que nós partimos no que eu fui para a batalha final com a Maou.
Devido à posição dela, era provável que ela não fosse ir abertamente contra a decisão do Rei e da Rainha.
Então pode apenas ser possível para eu escapar desta vida fugindo que eu estive levando até agora, que me fez me sentir como preso num pântano.

“Por favor, acredite em mim, a Princesa estava realmente ansiosa pela vida do Herói-sama. É exatamente por causa disso que nós fomos capazes de fazer contato com Herói-sama tão agilmente. A Princesa disse que ela gostaria de ajudar Herói-sama.”

Aquelas palavras inintencionalmente me fizeram me sofrer por fôlego.
Por favor acredite em mim, a visão de eu implorando a mesma coisa em um incontável número de vezes se sobrepôs com este homem diante de mim.

“… Entendi. Me levem com vocês.”

Vendo a Soul Sword removida de seu pescoço e removida, o homem ficou visivelmente embasbacado e relaxou.

“En-então, por aqui. Daqui em diante, nós seguiremos para o prédio dentro do castelo real onde o Herói-sama foi invocado. Dali nós planejamos saltar para a casa segura com uma pedra de teleporte e ter você esperando até a preparação para a magia cerimonial de Retornar Herói estar pronta. Como nós não realmente sabemos quem poderia estar observando, eu gostaria de evitar ações que possam expor nossos movimentos.”

Normalmente, teleportar para dentro ou fora de um povoado era impossível para qualquer lugar maior que uma vila. Era porque numerosas ferramentas mágicas eram normalmente enterradas dentro de seus limites como uma medida de segurança.
Sem elas, inimigos teriam um tempo fácil lançando ataques surpresa e invasões durante uma guerra.

Contudo, havia um lugar na capital real sem uma proteção assim. Era o prédio no castelo real onde eu fui invocado. Afinal, ter essas ferramentas mágicas lá interferiria com a Invocação de Herói. É por isso que na esfera efetiva do prédio, o método de enterrar ferramentas mágicas que perturbam teleportação foi abandonado em favor de procedimentos que permitiam que elas fossem montadas e desmanteladas rapidamente quando uma necessidade surgir.

“Se esse é o caso, eu concordo.”

Eu queria deixar minha gratidão para as pessoas que me guiaram na cidade, mas no fim, eu desisti disso. Enquanto eu era tratado como o maior mal do mundo, apenas ter conexões comigo era uma coisa perigosa em si. Esse sendo o caso, seria melhor se esta questão acabasse sem eles serem ligados à mim.

Eu segui atrás dos homens vestidos de preto e logo nós alcançamos o bosque de árvores misturadas nos subúrbios da capital real.

“Oy, nós não estamos indo para o castelo real?”

“Nós estamos. No fundo desta clareira, há uma entrada para uma passagem secreta que leva diretamente para a área de invocação do castelo real.”

Tendo ouvido isso, eu segui eles para fundo nas árvores, logo os dois começaram a investigar o chão. Eles acharam a entrada para a passagem em menos de dez segundos e ergueram uma tábua de pedra quadrada.
Nós fomos recebidos por uma rajada de ar velho, parado, úmido e um grosso carpete de poeira.
A escadaria pavimentada com pedra e a atmosfera criava um espetáculo verdadeiramente digno do próprio conceito de túnel secreto subterrâneo.

“Por aqui. Por favor, cuidado onde pisa.”

Os homens acenderam as lamparinas que eles tiraram de suas malas e lentamente desceram as escadas.

De lá, nós continuamos por um caminho nivelado por um tempo. Únicos barulhos levados pelo ar estagnado eram os passos de nós três.

Depois de um tempo, nós finalmente chegamos em fim sem saída. Nós empurramos o teto por dentro e eu me achei em um nostálgico lugar, a sala onde eu fui invocado.

“Aah, Herói-sama, você está seguro!!”

E diante de mim, assim como quando eu fui invocado, eu vi a Princesa Alesia com um sorriso como uma flor.
Cabelo prateado, balançante, que ia até os ombros dela davam para a aparência dela uma impressão frágil que não mudou muito desde que nós nos encontramos pela primeira vez.

Ela era dois anos mais jovem que eu, mas nesses três anos em que nós estivemos separados, ela cresceu mais alta, e seu corpo havia notavelmente amadurecido. Contudo, a impressão que ela passava não mudou muito por todo esse tempo.

“Herói-sama, você está ferido em qualquer lugar?”

“A-, ah, eu estou bem. Você fez bem em saber que era eu com apenas um olhar…”

“Sua nova aparência? Eu havia ouvido antes do poder que a 【Mirror Sword of the Heavenly Evil Spirit】 possui.”

Dizendo isso, ela riu com um sorriso familiar.
Foi um sorriso que não diferia daquele que eu conheci uma vez. Ele me fez exalar com alívio.

Mesmo quando eu tinha fé, seguindo o caminho todo até aqui, eu ainda tinha pensado que talvez a Alesia diante dos meus olhos, tendo orgulho em suas habilidades mágicas, era igual aos outros usuários de magia de luz e estava mirando em minha vida.

“Apesar de haver várias explicações que eu gostaria de lhe oferecer, nós não temos tempo para isso neste momento. Por favor use a pedra de teleporte. Esta é a única sala na capital real onde ela funcionará quando providenciada mana.”

Dizendo isso, ela me entregou um cristal amarelo, semi-transparente.
Era algo que eu havia usado pessoalmente várias vezes.

“Vamos conversar depois de teleportar. Eu lhe ensinarei o procedimento para a magia cerimonial requerida para retornar no destino.”

“Tudo bem.”

Eu comecei a colocar mana na pedra de teleporte que eu havia recebido, e ela começou a brilhar em resposta.
No que mana fluiu para o arranjo mágico, a formação de teleporte cobriu o chão como que para engolir a sala inteira.

Naquele instante,

“Fufu, verdadeiramente, um tolo altruísta.”

Um desdém nefasto alcançou meus ouvidos.

Antes que eu pudesse responder, no que a luz estava completamente obscurecendo minha visão, eu pudi ver por uma última vez o rosto da Princesa, desta vez livre da máscara.

ANTERIOR | ÍNDICE | PRÓXIMO

Anúncios

Uma resposta em “[NnY] Capítulo 23 – O Herói Sonha com Desespero (1)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s