Capítulo 268: Liliyn é uma Garotinha?

Não tenho muito o que falar, além da preguiça, então vamos lá – Este capítulo foi traduzido da “linda Anri“(-sama).


Capítulo 268: Liliyn é uma Garotinha?

Na sala de conferência onde uma discussão imediata estava sendo feita ao pedido da Maou Eveam, Liliyn e sua companhia falaram sobre o 《Núcleo da Maou Fundadora》 e como ele havia sumido, mas no meio disso eles estavam falando sobre o Maou Predecessor Avoros, e neste momento, o tópico atual deles era sobre o ataque iminente à nação deles.

Contudo, de acordo com Cruzer, o fato que Avoros não podia agir por enquanto era devido ao efeito colateral de usar 《Sacrifício》, onde todos se sentiram aliviados, especialmente Eveam.

Isso dito, esta notícia era apenas uma pausa temporária no que se estende até a guerra iminente à frente. Mesmo que eles tenham agraciados com o postergamento dela, eles ainda precisam armar contra-medidas contra Avoros dentro deste limite de tempo.

E ainda, como se Liliyn tivesse perdido interesse no tópico atual deles, ela falou com um rosto cansado.

“Com isto, nós passamos o que nós sabemos. Silva, Cruzer, vamos retornar ao nosso quarto.” (Liliyn)

No momento que Liliyn se levantou de seu assento e tentou deixar o lugar,

“P-por favor espere um momento, Liliyn-dono!” (Eveam)

A voz em pânico de Eveam chamou por Liliyn.

“O que?” (Liliyn)

“Ah, você vê, eu gostaria de expressar nossa gratidão ao nos providenciar a informação. Mas, se possível, você… você nos emprestará sua força?” (Eveam)

“…” (Liliyn)

“Nós estamos muito cientes que a companhia de Hiiro e Liliyn-dono são estimados convidados nossos. Especialmente para Hiiro, que tem feito tanto que até minha gratidão de coração não é o suficiente para repagá-lo. Contudo neste momento, aumentar nosso potencial de guerra é necessário para nós.” (Eveam) (NT: Ou é convidado ou é hospede, mas não me parece bacana usar essa palavra aqui…)

“…” (Liliyn)

“Claro, eu sei que eu estou pedindo algo ultrajante. É como se eu estivesse pedindo para você perder sua vida pelo bem do país. Mesmo que você seja uma 『Evila』, você nem sequer viveu neste país e certamente você tem outas coisas que você queira fazer.” (Eveam)

“… e ainda você tenta nos restringir mesmo quando sabendo disto?” (Liliyn)

“Eu sinto muito, de verdade! Eu decidi que eu não irei tomar o peso de proteger este país sozinha! Eu sei que eu sou fraca! É por isso que eu estou buscando ajuda de outras pessoas! Eu sei que é vergonhoso de mim, mas este é o alcance do que eu posso fazer neste momento!” (Eveam)

Liliyn encarou Eveam que falou com um tom mortificado.

(Esta garota… eu ouvi que ela era uma idealista teimosa, falando de coisas impossíveis com ideais ingênuos.)

Mas parece que havia uma leve discrepância baseado no rumor que ela havia ouvido.

“… então eu lhe imploro! Você emprestará sua força pelo país! Por favor!” (Eveam) (NT: A parte da força foi uma pergunta, pelo jeito que está escrito em inglês, mas sem a porra da interrogação…)

“… Vossa Majestade, você não acha que é apresado demais para curvar sua cabeça tão facilmente?” (Liliyn)

Liliyn tentou ver que tipo de reação ela daria ao dar à ela um olhar frio.

“Se você vai beneficiar o país e o povo mesmo que um pouco, eu curvaria minha cabeça muito mais! Você pode até tratar minha vida como um lixo!” (Eveam)

Até Liliyn inconscientemente arregalou seus olhos diante do discurso ridículo de Eveam enquanto ainda se curvava diante dela.

“… quaisquer que as circunstâncias possam ser, isso foi exagerado demais.” (Liliyn)

“Eh?” (Eveam)

“Quando você abaixa sua cabeça, ao menos olhe para eles.” (Liliyn)

“Eh, a…” (Eveam)

“Além do mais, mesmo quando há alguém que lhe adora, pare de tratar sua vida como um lixo. Eu entendo que seu auto-sacrifício vem de suas experiências passadas, mas há um significante sentido pelo qual você está vivendo bem aqui e agora. Se há algo que você quer fazer, se pendure nisso como se desejasse isso. Lembre disso, jovem garota.” (Liliyn) (NT: Little girl é a única coisa que eu mudo para garotinha, e nem sempre ainda…)

Eveam endureceu pelo despreparo pelo sermão inesperado de Liliyn para ela.

“A-apesar de eu ter ignorado isso um monte de vezes, você falou que Sua Majestade é uma jovem garota? Então olhe para você mesma! Você soa como se você estivesse guiando ela, mas você mesma está se comportando como uma! Você não é também uma ‘jovem garota’!” (Marione) (NT: Outra pergunta sem interrogação… acho que vou começar a tacar a pontuação, sei lá)

“O que você disse?” (Liliyn)

Diante da reclamação de Marione, uma veia apareceu na testa de Liliyn.

“M-Marione! Isso é rude! Liliyn-dono é nossa convidada!” (Eveam)

“Eu imploro à discordar, Vossa Majestade! Mesmo que eles sejam os companheiros daquele jovem, eles são mal educados demais! Além do mais, foi Cruzer Jio quem ofereceu a informação, não esta jovem garota!” (Marione)

As veias na testa de Liliyn se destacaram ainda mais no que sua raiva aumentou. Cruzer parecia estar confuso em como acalmar esta questão. E Silva quietamente encarou Liliyn com uma câimbra em suas bochechas.

“Marione! Você está sendo mal educado com Liliyn-dono! É natural que eu deva me curvar aqui por um pedido assim! Eu também entendo que não há erro nas palavras que ela disse! B-bem, eu fiquei bem chocada quando eu fui chamada de ‘jovem garota’ por uma jovem garota como Liliyn.” (Eveam)

“Você ouviu isso! Até Sua Majestade acha que você é uma jovem garota! Aliás, não é melhor te chamar de ‘garotinha’ ao invés disso!” (Marione)

“Marione! Chamar alguém de ‘garotinha’ é rude demais! Apesar da aparência externa de Liliyn-dono ser aparentemente a de uma garotinha, ela é uma 『Evila』, então sua aparência de garotinha não é necessariamente sua verdadeira idade!” (Eveam)

“Mas você vê, Vossa Majestade! Mesmo que ela tenha vivido uma vida longa, a aparência dela ainda é a de uma ‘garotinha’! Em outras palavras, esta jovem garota é sem dúvidas uma ‘garotinha’!” (Marione)

“A-ainda assim, mesmo que ela seja uma garotinha, você deveria escolher suas palavras com mais sabedoria!” (Eveam)

“Você está enganada, Vossa Majestade! Apenas as palavras do mesmo nível de uma garotinha funcionariam numa garotinha! Porque ela definitivamente é uma garotinha!” (Marione)

Houve um som formigante no que o cabelo carmesim de Liliyn começou a sacudiu como uma chama. Vendo que a situação estava ficando ruim, Silva falou.

“O-ojou-sama! Eu acredito que Marione-dono estava enganado com seus comentários! Ele disse que Ojou não é só uma ‘garotinha’ ordinária! Ele quis dizer que você é uma Super ‘garotinha’! Não, não é um exagero dizer que você é uma ‘garotinha’ Milagre –gyohon!” (Silva)

Um uppercut de direita subitamente acertou a mandíbula de Silva. A cabeça dele perfurou o teto do jeito que estava…… no que a passagem do tempo se passou.

“Garotinha isto! Garotinha aquilo! …” (Liliyn)

“Es-está… tudo bem, Liliyn-dono?” (Eveam)

Apesar de Eveam ter chamado por Liliyn, ela estava assustada pelo clima estranho dela.

“Fufu, fufufufufufufu…” (Liliyn)

Liliyn seguiu em direção de Marione com passos largos. E quando ela parou numa pequena distância dele, ela rapidamente ergueu seu rosto levemente trêmulo com muito vigor.

“Este é o rosto de uma garotinha, hm~!” (Liliyn) (NT: Outra. Pergunta. Sem. Interrogação.)

Diante daquela expressão, todos quietamente suprimiram um risinho. Apesar dela estar brava, seu rosto estava corado e seus olhos estavam lacrimejando.

Contudo, a espantada Eveam que viu uma aparência dessas, falou uma palavra inesperada.

“… kawaii.” (Eveam) (NT: Literalmente ‘fofa’, mas se você está no ponto de ler novels, já deve ter visto essa palavra muitas vezes)

Eveam inconscientemente murmurou tal palavra diante das tentativas desesperadas da garotinha de rebater as palavras de Marione. Mas isso só estimulou a raiva de Liliyn de novo.

“Uuuu~” (Liliyn)

“L-Liliyn-san…?” (Cruzer)

Apesar de Cruzer, que esteve silente até agora, ter chamado ao gemido estilo de fera, de Liliyn, ela repentinamente,

“E-eu odeio todos vocêêêêêêêêêêêêêêêêêêês!” (Liliyn)

Liliyn correu em direção da porta e veio à uma pausa, então ela apontou um dedo para Eveam.

“Eu não esquecerei iiiiiiiisssssstttooooooo!” (Liliyn)

Ela saiu da sala depois de dizer esse tanto.


Depois que Liliyn chorando saiu, aqueles que foram deixados para trás não se moveram, como se o tempo tivesse congelado. A diferença da mudança de Liliyn pode ter chocado eles este tanto.

Numa circunstância assim, os olhos de todos foram até Aquinas, que estava rindo com um som ‘kukuku’.

“Q-qual o problema, Aquinas?” (Eveam)

Quando Eveam perguntou, Aquinas retornou um sorriso e,

“Eu só pensei que esse aspecto dela não mudou nadinha.” (Aquinas)

Olhando para o olhar nostálgico de Aquinas à porta onde Liliyn saiu, Eveam inclinou sua cabeça.

“Nofofofo! Eu fui capaz de testemunhar uma Ojou-sama adorável assim depois de um longo tempo! Hoje foi é um dia bem bacana! Nofofofofo!” (Silva)

“S-Silva-dono! Desde quando você estava aqui!?” (Eveam)

Eveam estava surpresa porque Silva deveria estar balançando no teto momentos antes, mas agora ele estava vivo e bem.

“V-você não tem qualquer ferida?” (Eveam)

“Nofofofo! Não há algo assim! Isso é porque eu sou um mordomo! Nofofofofo!” (Silva)

Eveam estava aliviada porque ele certamente não tinha nada quando ela olhou para ele.

“… haa, parece que eu ofendi Liliyn-dono, eu devo me desculpar mais tarde.” (Eveam)

“Nofofofofo! Por favor não se preocupe sobre isso. Eu contarei à Ojou-sama mais tarde sobre isso, e se você absolutamente quiser dizer algo à ela, por favor traga uma boa cerveja para nós bebermos. Se possível, vinho seria melhor. Porque o humor dela se recupera de uma vez se ela bebe um pacote assim.” (Silva)

“É-é assim então, eu entendo!” (Eveam)

“Na verdade, ao invés de ficar preocupada sobre Ojou-sama, eu acho que nós devemos fazer algo sobre a condição do Marione-dono.” (Silva)

“Eh?” (Eveam)

Pela sugestão de Silva, Eveam percebeu que Marione esteve quieto por um tempo e olhou em direção da dita pessoa… lá ela viu o rosto pálido de seu ex-general barão de bigode.

“M-Marione…?” (Eveam)

Ficando de pé reto com olhos vazios, suor oleoso saia de sua testa. E então,

“Por favor pareeeeeeeeeee!” (Marione)

Marione acertou sua cabeça contra a parede.

“Eeeeeeh!?” (Eveam)

Eveam instintivamente ergueu sua voz quando ela testemunhou o comportamento excêntrico.

“Eu não quero isso! Eu não quero minha adorada barba sendo raspada! Por favor pareeeeeeeeeee! Uwa! Essa foi por pouco! Muito pouco! Quando você gira uma espada numa direção assim…… ainda mais no meu lado direito! Eu te imploro! Por favor pareeeeeeeee!” (Marione)

“… Marione… ai, isso deve ter doído…” (Eveam)

“Ele parece estar num trance por causa da magia daquela pessoa.” (Aquinas) (NT: Aquele cara, é mais informal, mas não funciona tanto em português, concordam?)

Foi Aquinas que respondeu com uma resposta cheia de sentido.

“Aquela pessoa? Você quer dizer a magia da Liliyn-dono?” (Eveam)

“É, aquela pessoa pode colocar seu oponente em desilusão ao instigar ilusões na mente dele. Talvez Marione esteja passando por um pesadelo onde sua amada barba está sendo cortada.” (Aquinas)

“E-ela lembra a magia da Maou Fundadora que nós estávamos falando agora pouco…” (Eveam)

“… bem, é.” (Aquinas)

Aquinas respondeu com um leve atraso após as palavras de Eveam. Eveam não parecia imaginar o motivo de Aquinas ter respondido de um jeito assim.

“E-ele retornará ao normal?” (Eveam)

“… bem, ele não morrerá disto, eu tenho certeza que se nós deixarmos ele sozinho por um tempo ele voltará em breve.” (Aquinas)

“… o mais orgulhoso 《Rank 2 da Brigada Cruel》 deste país foi facilmente levado pelo nariz… Liliyn-dono é incrível.” (Eveam)

“Bem, ela viveu mais do que Marione, então é natural.” (Aquinas)

“Mu? E-eu devo me desculpar apropriadamente à ela mais tarde.” (Eveam)

Observando a aparência miserável de Marione, Eveam se avisou para não irritar mais Liliyn, e disse para Silva que ela iria preparar o melhor vinho para ela.

Anúncios

4 respostas em “Capítulo 268: Liliyn é uma Garotinha?

  1. Ty pelo cap.
    Liliyn kawai, com um charme de tsundere. xD

    Erros que vi:
    1° no começo :No momento que Liliyn se levantou de seu assento e tentou deiar o lugar, <<< não seria deixar…

    2°: meio +-?
    Eveam inconscientemente murmurou tal palavra diante das tentativas desesperadas da garotinha de rebater as palavras de Marione. Mas isso só estimulou a raiva de Eveam de novo. não seria raiva da Liliyn?

    Curtir

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s