Capítulo 254: Segunda Princesa Farah

Eu ia tirar hoje para não traduzir, porque traduzi bastante nos outros dias desse feriadão para ter uma reserva (que eu sei que vou ter que gastar, então já adiantei)… mas aí a Anri solta este KnW! Pelo menos é curto, vamos lá… – Este capítulo foi traduzido da Anri-sama.

Importante: amanhã eu irei ao estágio, mas não à faculdade – talvez dê para traduzir de tarde/noite se sair mais capítulos de KnW, mas não garanto nada.


Capítulo 254: Segunda Princesa Farah

Por volta da hora que Hiiro foi ensinado por Rarashik sobre como controlar sua força vital, no país humano, havia uma garota que acordou de seu sono profundo.

“Parece que nossa bela adormecida finalmente acordou.” (Donald)

A garota estava de olhos arregalados em surpresa pela pessoa que acabou de falar com ela. Porque essa pessoa era alguém que ela não havia visto antes. Então era natural que ela fosse puxar seu corpo para longe da dita pessoa.

“Você não tem que ficar assustada, jovem criança. Eu sou só um mendigo, não, um cavalheiro.” (Bernardo)

“Você não é muito convincente!” (Bianca)

A garota inadvertidamente reagiu às palavras da pessoa idosa em sua presença. E devido à isso, ela se recuperou, e percebeu quão embaraçosa a resposta dela foi.

“Jovem criança, é melhor não trazer uma voz alta aqui.” (Bernardo)

Apesar da garota querer saber o motivo, ela cobriu sua boca em resposta e tentou entender sua situação atual. Parecia que ela estava num galpão que não lhe era familiar, e haviam duas camas simples no lugar, uma que era onde a garota esteve dormindo pouco antes.

Aparentemente, eles eram as únicas duas pessoas aqui neste momento, a jovem garota e o jovem idoso careca que a garota achou digno de confiança.

“De qualquer forma, você realmente dormiu por um longo tempo, huh? Você ainda se lembra? Três dias completos se passaram desde que você foi salva do castelo, sabia?” (Bernardo)

Pela menção das palavras do idoso, a garota finalmente recordou o que havia acontecido.

E a pessoa que levou ela para fora do castelo era…

“Você é talvez… companheiro do Judom?” (Bianca)

“Jovem criança, é inútil tratar aquele pirralho Judom normalmente. Aliás, você devia apenas chamar ele um tolo maromba.” (Bernardo) (NT: Cabeça de músculo é a tradução literal, mas maromba é mais prático e dá essa mesma ideia)

“T… tolo maromba.” (Bianca)

A garota estava tendo uma câimbra em suas bochechas em resposta às palavras do idoso. E então a porta se abriu e a pessoa de quem eles estavam falando sobre entrou.

“Oh, você acordou!” (Judom)

Judom se aproximou dela com um grande sorriso em seu rosto. A garota não podia deixar de se sentir um pouco aliviada diante daquela expressão, parecia que a ansiedade e tensão dela haviam se acalmado.

“Judom-sama…” (Bianca)

“Eu sei que você tem um monte de perguntas em mente, mas primeiro, beba isto.” (Judom)

Judom entregou um pequeno copo contendo uma sopa transparente.

“Isto é…?” (Bianca)

“Apenas uma sopa que eu fiz ao misturar ervas medicinais e frutas. E não se preocupe, apesar de ter ervas medicinais aí, é fácil de se beber.” (Judom)

A garota timidamente acenou em resposta aos comentários dele e começou a confirmar o gosto. E verdadeiro às palavras dele, não era realmente amargo. Era provavelmente graças à doçura das frutas misturadas que fez ela ser mais fácil de se beber.

“Mesmo quando você finalmente acordou, comida ainda é impossível para você, mas isso não quer dizer que nós devemos deixar sua nutrição deteriorar.” (Judom)

Judom trouxe a cadeira no canto do galpão e colocou ela próxima da jovem garota.

“Agora, onde eu devo começar… hmm, bem, por ora, Farah, eu realmente estou feliz que você chegou até aqui.” (Judom)

“Judom-sama…” (Farah)

Sim, o nome da garota era Farah. Farah Van Strauss Arclaim, a segunda princesa de 【Victorias】.

Ela, que falhou em invocar os heróis de outro mundo, caiu num coma e foi considerada como acamada pelo resto de sua vida.

E apesar de tudo isto, Judom disse que ele estava feliz que ela estava viva. Para ela, que era incapaz de praticar magia de invocação que levou ela à tal situação lamentável.

Farah ainda estava consciente enquanto ela esteve acamado por um longo tempo. Ela podia sentir seu frágil corpo ficando mais fino e ela sentiu um senso de fraqueza dentro de seu corpo.

De qualquer forma, ela estava honestamente feliz que ela ainda podia acordar. Era muito agradável que há uma pessoa verdadeiramente feliz por ela despertar.

“Farah, primeiro de tudo, um ano se passou desde o dia que você falhou em invocar os heróis.” (Judom)

“… Entendo.” (Farah)

Um ano… para uma pessoa normal, era curto, mas para ela, um ano era um tempo muito longo. Percebendo de novo ainda mais de sua situação, a expressão dela escureceu.

“Durante o último ano, o mundo mudou muito. Você pode entender assim que você sentir a atmosfera cercando o castelo real.” (Judom)

Certamente, o que ele disse era verdade. Apesar de ser um momento embaraçoso, Judom invadiu o quarto dela e carregou seu corpo mole embora. (NT: Eu tenho quase certeza que traduzi algo assim, achando que era um homem, mas estou com preguiça de procurar e ajeitar – até porque, provavelmente não tinha nada para definir gênero no original…)

As pessoas que seguiram atrás deles estavam todas tão pálidas como se elas tivessem sido drenadas de seu sangue. A atmosfera do castelo também parecia estranha, soldados estavam caídos por toda parte, sangrando e apodrecendo.

No começo, ela pensou que Judom havia traído o país, mas ela sentiu o calor das mãos dele segurando seu corpo mole, o suficiente para ela pensar que ela estava sendo protegida. (NT: Quanta confiança no cara, hein)

Apesar dela não saber o que havia acontecido, ela podia adivinhar que uma crise estava ocorrendo no castelo, não, no país. Depois disso, ela perdeu a consciência enquanto estava sendo carregada embora.

“Os 『Evila』 e 『Gabranth』 talvez atacaram nosso país?” (Farah)

“… você poderia dizer isso, mas você também pode dizer que não é.” (Judom)

“… o que você quer dizer?” (Farah)

Judom explicou para ela sobre o sequestro do Maou Predecessor Avoros do domínio de 【Victorias】. E também sobre a aliança de 『Evila』 e 『Gabranth』.

Farah estava ouvindo tudo isto sem piscar nem um pouquinho, como se ela tivesse endurecido em seu lugar.

“A-a história se tornou demais para eu acompanhar e entender.” (Farah)

“Haha, não se preocupe. Está tudo bem em levar isto devagar. Contudo, ainda há mais disto que você tem que seguir.” (Judom)

“… eh?” (Farah)

“… bem, é provavelmente melhor quando sua condição física ficar melhor.” (Judom)

Apesar de Judom ter dito isso enquanto ele estava se levantando,

“Judom-sama, por favor… me deixe ouvir isso. Tudo isso.” (Farah)

“Farah… é uma história muito mais pesada do que você acha que ela é, sabia?” (Judom)

“Eu não ligo. Eu sou Farah Van Strauss Arclaim, a segunda princesa de 【Victorias】. Eu não posso me permitir tirar os olhos de uma questão nacional. Ainda mais se é um assunto sério…” (Farah)

Eles eram olhos fortes. Olhos fortes olhando para Judom. Apesar das bochechas dela serem magras e soltas, apesar de ter um pequeno vazio nos olhos dela, havia uma luz evidente dentro deles, clara o suficiente para falar de vida.

“Haha, você ainda é uma princesa no coração, teimosa e direta como eu me lembro de lá trás.” (Judom)

“… você talvez está tirando sarro de mim?” (Farah)

Apesar de Farah ter dito isso com um biquinho,

“Ahahaha! É um elogio! Se é a você atual, então você pode lidar com qualquer conversa que eu falar!” (Judom)

“Hmph, Judom-sama é tão mau.” (Farah)

Ela virou seu rosto de lado enquanto estava em sua expressão de biquinho.

“Desculpe por isso, de qualquer jeito, prepare seu coração enquanto você ouve.” (Judom)

“… Eu entendo.” (Farah)

Judom resumiu os eventos atuais da invocação com sucesso da primeira princesa Lilith dos heróis até a situação atual.

Invocando os heróis, conferência de aliança, guerra, e vários humanos lutando… não, como Rei Rudolph enlouqueceu. E então Rudolph se tornando um monstro horrível que estava talvez sob a supervisão de Avoros neste momento.

Farah ouviu a história enquanto seus olhos estavam fechados. Judom não sabia exatamente o que fez isso acontecer, mas o corpo de Farah estava tremendo pouco a pouco, e também estavam seus lábios.

Depois da conversa ter acabado, uma quantia considerável de suor estava presente na testa de Farah. Ela tinha uma cara que havia obviamente recebido o impacto da história.

“… você quer descansar um pouco?” (Judom)

“Não, eu estou bem… obrigada por me contar tudo isto.” (Farah)

Vendo a expressão rígida de Farah, Judom gentilmente colocou suas mãos nas dela quietamente.

“… você se tornou forte, Farah. Diante daquelas histórias, você se segurou. Eu sei que não é fácil organizar seu coração e mente.” (Judom) (NT: Mais alguém curioso sobre o velho que tá lá, quietinho vendo tudo isso?)

“… sim.” (Farah)

“Você pode pensar no que você pode fazer pelo país de agora em diante. Mas sempre se lembre que você não está sozinha. Eu estou aqui, e também estão meus companheiros.” (Judom)

Judom expressou um sorriso para acalmar Farah, e em resposta, Farah retornou um sorriso com a a expressão dela também. Então, ela se lembrou de algo.

“Ah, eu pareço ter lembrado de uma bela mulher que você trouxe junto na hora que você me salvou do castelo.” (Farah)

No que Farah perguntou assim, Judom só pôde mostrar um sorriso amargo em resposta.

“Oh, aquela mulher, huh? Eu estava para lhe falar sobre isso depois que você tinha acordado. Você conhece ela?” (Judom)

“N-não, eu não me lembro de conhecer uma pessoa assim.” (Farah)

“Aquela mulher, apesar dela ter nos salvado da morte, ela partiu com algumas poucas palavras depois disso.” (Judom)

“Algumas poucas palavras?” (Farah)

“É, ela disse que ela voltará assim que você acordar. Você realmente não conhece aquela mulher?” (Judom)

Farah estava encarando vaziamente intrigada no que ela honestamente recordou nada que fez ela conhecer uma pessoa assim. E então, repentinamente… a porta abriu, e uma mulher apareceu ali.

Judom se levantou rapidamente no que ele ficou alerta pela outra presença, mas ele estava embasbacado quando ele viu sua oponente.

“Eu vim assim como eu havia lhe dito.” (Isabela) (NT: Eu estou ficando sem nomes aleatórios, e ideias para formar nomes)

A pessoa que entrou era a mulher que uma vez ajudou Judom a escapar do morto que Avoros criou para matá-lo. (NT: Eu achei que era erro de digitação e tinha alterado, mas o Qwenthur comentou, incluindo o capítulo que fala disso, e eu “corrigi” para “do morto que Avoros criou”, afinal, Avoros é um Necromante também!)

Anúncios

12 respostas em “Capítulo 254: Segunda Princesa Farah

  1. A pessoa que entrou era a mulher que uma vez ajudou Judom a escapar da morte que Avoros criou para matá-lo. (NT: Talvez seja erro de digitação, por isso mudei, mas em inglês era algo como “do morto que Avoros criou para matá-lo”…)

    Eu acho que é “o morto que Avoros criou para matá-lo” msm, n lembro em qual capítulo, mas fala sobre Avoros ser um necromante (e se não me engano, foi o próprio Judom que falou)

    Curtir

    • Hm… talvez, mas eu não lembro direito – se me achar o trecho do necromante para ter certeza, eu mudo – ou algum dia eu pego para confirmar, mas preguiça de fazer isso…

      Curtir

    • achei, está no cap 245

      “Ahaha, eu estou falando sobre os soldados restantes deste país, bobinho. Eu ficaria preocupado se eles morressem por uma razão sem sentido.” (Avoros)

      Na menção daquelas palavras, Judom finalmente recordou outro nome desta pessoa.

      《Necromante》… O poder de chamar os mortos e livremente os empregar em seu controle. E outro pensamento subitamente veio à ele.

      (… Para poder usar os mortos, não é necessário que os corpos devam estar mortos?)

      Curtir

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s