Capítulo 240 – A Adaga que Matou Aragorn

Primeiramente, “desculpem o atraso”, hoje estava agitado aqui em casa. Agora do capítulo, vale mencionar que o nome daquele Espírito foi trocado, já corrigi no outro capítulo… Gri virará Green, e Grinoju virará Greenage, que é algo como “idade verde”, se for ver…

Mas enfim, último dia sem ter que ir para faculdade e tem capítulo para traduzir, que delícia; daqui em diante só em finais de semana, provavelmente, mas vamos lá – Este capítulo foi traduzido da Anri-sama.


Capítulo 240 – A Adaga que Matou Aragorn

“Uu~ mesmo quando eu passei por grandes desafios para achar uma casa tão fantástica, mu~” (Greenage)

Apesar do resmungo de Greenage, Tenn inqueriu mais sobre o dito assunto.

“Isso quer dizer que a árvore está morta?” (Tenn)

“… sim~” (Greenage)

Greenage jogou seus olhos para baixo. Tendo tido seu próprio canto desaparecendo era bem deprimente para ela. Aquela árvore deve ser de grande importância para ela.

Contudo, não apenas Greenage era quem foi afetada por isso, os beastmen que ouviram sobre isso também sentiram grande tristeza.

“Eu sabia… 《Aragorn》 está realmente morta…” (Leowald)

“Papa.” (Kukklia)

“Otou-sama.” (Mimir)

Kukklia e Mimir se sentiram do mesmo jeito ao murmuro lamentoso de Leowald. Contudo, Muir, que estava por perto foi pega de surpresa no que uma ideia atingiu ela, e olhou para Hiiro.

“H-Hiiro-san!” (Muir)

“… o que?” (Hiiro)

“Hum… entende… Hiiro-san pode… hum… você sabe…” (Muir)

“É impossível.” (Hiiro)

“… eh?” (Muir)

Ela endureceu pelas palavras inesperadas dele, mas Hiiro sabia o que ela queria perguntar.

“Você queria que eu revivesse esta árvore, certo?” (Hiiro)

“S-sim.” (Muir)

“H-Hiiro! Isso é verdade!” (Leowald)

Foi Leowald que surtou nisso. Apesar dele não entender o que todos eles sentiram, Hiiro decidiu falar honestamente.

“Minha magia é certamente versátil. Contudo, mesmo minha magia tem algo que não pode fazer.” (Hiiro)

“E isso é?” (Muir)

“O poder para manipular a vida de uma pessoa.” (Hiiro)

“……” (Muir)

“Bem, apesar que há outras coisas que eu podia fazer. Eu só não sei se funcionará.” (Hiiro)

“Então! Você pode reviver 《Aragorn》!?” (Muir)

“Não me entenda errado, Chibi, o que eu estou tentando dizer é que aqueles que morreram, não podem ser revividos.” (Hiiro)

“Ah.” (Muir)

“Eu não tenho o poder para reviver algo que está morto. Eu não consigo nem escrever um caractere neles.” (Hiiro)

“En… tendo.” (Muir)

“Bem, se estivesse apenas danificado, eu podia provavelmente restaurar ela de volta à sua forma natural.” (Hiiro)

“Então é impossível restaurar ela?” (Muir)

“Se nós acharmos uma parte dela que ainda está viva, eu posso. Mas para este cara está tarde demais.” (Hiiro)

Como se escuridão tivesse descido neles, todos beastmen presentes estavam desanimados pela leve esperança deles.

Hiiro na verdade havia tentado reviver algo dos mortos. Ele foi incapaz de escrever quaisquer caracteres relacionados à reviver ou ressuscitar mesmo que ele tentasse imaginar que tipo de efeito ele estava tentando conjurar. (NT: Ou seja, não teremos um necromante tão cedo)

Pelo contrário, no momento que ele tentou fazer isso, ele foi atacado por uma dor aflita por tentar tal magia.

Mesmo que ele tivesse aumentado de level, se ele aumentasse seu potencial ou colocasse uma quantia suficiente de mana, uma reação similar ocorria, ele era aflito pela dor de novo.

Se a árvore estava sofrendo de dano severo contudo, se ainda havia vida em suas raízes, ele pode ser capaz de curar ela de volta ao seu estado anterior, mas reviver algo completamente dos mortos não era possível.

(Eu não consigo nem escrever qualquer caractere relacionado à vida…)

De qualquer forma, Hiiro decidiu que era bom que ele não conseguia. Se vida pudesse ser revivida facilmente por magia, então isso só denigre o verdadeiro valor da vida em si.

“Em qualquer caso, algo que está morto é impossível para mim. Desista dessa ideia.” (Hiiro)

Devido às palavras frias de Hiiro, ele sentiu um olhar afiado nele e viu Bard olhando para ele com um olhar assim.

Hiiro, você pode não entender o que nós sentimos, mas esta árvore é…” (Bard)

“É, é, eu sei o geral do que você vai dizer.” (Hiiro)

“Mah!? Você!” (Bard)

“Você acha que é pelo melhor continuar lamentando sobre isso do que refletir nisso e tentar prosseguir adiante?” (Hiiro)

“Ku…” (Bard)

“Quão importante esta árvore é para vocês, eu não sei nada sobre isso. Contudo, vocês não podem fazer nada para algo que já aconteceu.” (Hiiro)

“M-mas as pessoas não são tão fáceis em esquecer algo sobre o que é importante para elas!” (Bard)

“Eu concordo com isso. É por isso que eu não acho que ficar de luto por ela é ruim.” (Hiiro)

“Hah?” (Bard)

“O que eu estou tentando dizer é que está tudo bem em manter essa tristeza em seus corações. Eu posso ver que essa árvore é muito importante para vocês. Contudo, isso só machucará vocês se vocês manterem isso assim.” (Hiiro)

Ele deu de ombros quando ele viu a larga árvore esmagando as numerosas pequenas árvores abaixo dela.

“Até o Rei das Feras pensou nisso, ele disse que ele carregaria a árvore para fora do caminho, certo?” (Hiiro)

Leowald respondeu com um aceno quando ele mudou sua atenção para ele.

“É como Hiiro diz. 《Aragorn》 é certamente nosso orgulho, se morreu ou não. É por esta razão que eu não posso deixar ela como está. Como um orgulhoso Gabranth, eu faria um funeral apropriado e expressaria minha gratidão por ela!” (Leowald)

Todos ergueram suas vozes em resposta às palavras de Leowald. Como esperado, apesar dos rugidos altos deles, isso esquentava bem o coração. Que raça barulhenta eles são.

Pelo comando de Leowald, várias pessoas retiraram as pequenas árvores de madeira esmagadas pela grande árvore.

“A propósito, Folha.” (Hiiro)

“Folha~? Meu nome é Green, sabia~?” (Folha)

A expressão dela havia de algum modo melhorado de antes, apesar de ainda haverem traços de exaustão visíveis no rosto dela.

“Por que você não parou os ataques dos atacantes se você valoriza tanto esta árvore?” (Hiiro)

Era o mesmo do que Tenn e Silva. Se o 『Espírito』 deseja assim, ele pode manifestar seus poderes fisicamente de acordo com suas intenções.

“Ah, sobre isso, ela não consegue, Hiiro.” (Tenn)

Foi Tenn quem respondeu ele.

“O que você quer dizer com isso?” (Hiiro)

“Veja só…” (Tenn)

Green, para começar, não era um 『Espírito de Alto Ranque』 como Silva e Tenn. Apesar dela poder falar em línguas humanas, ela não possuí a disposição para atacar, muito menos tocar um humano.

Além do mais, como ela estava dividindo seus poderes com 《Aragorn》 sem um contrato, a maioria da atenção dela estava na árvore, então era impossível para ela resistir os ataques do inimigo.

De acordo com Tenn, a faca que Taishi fincou na árvore estava bem arruinada, deixando Greenage menos fraca. (NT: Eu estou realmente na duvida sobre isto, eu acho que deveria estar pior e prejudicando a Folha, mas enfim…)

“Faca?” (Hiiro)

“Yup~ é a faca que aquela pessoa de outro mundo espetou em minha casa~. A vitalidade da árvore perdeu tudo de uma vez~” (Folha) (NT: Tá vendo?)

“… Ao Ribbon, você sabe de algo sobre isto?” (Hiiro) (NT: Laços Azuis, para quem esqueceu)

Ele pensou que Mimir poderia estar mais detalhada sobre esta questão.

“Ah, sim. Essa faca foi recuperada pelo Otou-sama, e deve estar com Yukihito-san neste momento.” (Mimir)

“Yukihito? Quem era ele de novo?” (Hiiro)

“Yukihito é nosso pesquisador top neste país. Ele também é o irmão de Rarashik.” (Kukklia)

Na informação prestativa de Kukklia, Hiiro se lembrou agora de quem ele era. Até onde o duelo interessava, ele era o cara que Hiiro achou interessante no jeito em que ele lutou. Um homem coelho de óculos vestindo um jaleco branco.

Talvez eles tenham confiado a faca para Yukihito para descobrir que tipo de princípio havia extinguido a vida da grande árvore.

“Entendo. Então agora, o que você vai fazer agora, Folha? Para um 『Espírito』 sem contrato, você não pode ficar muito aqui ou senão você morrerá, sabia?” (Hiiro)

“Você está certo~ eu devo provavelmente retornar para a floresta~” (Folha)

Ela está provavelmente falando sobre a 【Floresta de Espíritos】. Tenn que ouviu issi dito,

“Entendo. Diga ao Pops meus cumprimentos, ‘kay?” (Tenn)

“Un~, claro~” (Folha)

O corpo de Greenage gradualmente se tornou transparente depois daquelas palavras. Depois de alguns segundos, a figura dela havia se ido faz tempo.

Ela já deve ter retornado à 【Floresta de Espíritos】.


Arnold estava ajudando no desmantelamento de 《Aragorn》. Camus também, com a permissão de Hiiro, foi junto para ajudá-lo.

Hiiro contudo foi chamado por Leowald para ir à 《Sala do Trono》 ao que ele obedientemente seguiu no que ele tinha assuntos com Leowald também.

Havia a aparência da Rainha Branza no dito lugar. Ela expressou sua gratidão por tratar Raive. Leowald, que estava surpreso de ouvir sobre isto também se curvou para Hiiro em gratidão.

Parece que Raive era bem confiada por essas pessoas.

Contudo, porque Hiiro estava mais curioso sobre os assuntos de Leowald com ele, ele perguntou sobre isso.

“Bem, sobre isso, aquele cara virá em breve…” (Leowald)

No momento em que aquelas palavras foram ditas, alguém veio para dentro.

“Oh! Bom timing, Yukihito!” (Kukklia)

Como o que Kukklia disse, um homem coelho de óculos vestindo um jaleco branco entrou, que também era o irmão de Rarashik.

Aparentemente, o tópico pode ser relacionado à ele. Hiiro, que ficou quieto enquanto pensava sobre isso foi então cumprimentado.

“Nyohohohoho! Então este é o famoso Herói dos 『Evila』. Cumprimentos, meu amigo!” (Yukihito)

Hiiro tremeu no momento que ele foi chamado. Por alguma razão, este cara agudo lembrava um certo mordomo pervertido que ele conhecia. (NT: É a risada. Eu tenho certeza que é a risada.)

“Você vê, eu estive interessado em seu poder por um longo tempo, para restaurar a voz da Mimir que eu dolorosamente tentei pesquisar sobre dia e noite, apenas para fracassar em todas tentativas… eu estive querendo lhe encontrar! Nyohohohoho!” (Yukihito)

Ah, a intuição dele estava certa. Este cara é uma versão metamorfoseada daquele mordomo. Aqueles olhos atrás daqueles óculos estavam brilhando do exato jeito que a inconsequência daquele mordomo pervertido se mostra.

“Yukihito, você está sendo rude ao convidado.” (Branza)

“Ah, eu me desculpo, Branza-sama, me desculpe pelo meu comportamento!” (Yukihito)

Ele balançou seu corpo para Hiiro e suavemente se curvou para ele.

“Você trouxe aquela coisa, Yukihito?” (Leowald)

“Sim, aqui.” (Yukihito)

Yukihito puxou algo enrolado em panos vermelhos de sua mão direita. Ele se aproximou de Leowald e virou o pano, expondo seu  conteúdo dentro.

Uma faca ordinária foi vista nisso. Leowald pegou ela e mostrou ela para Hiiro.

“Você vê, esta é a coisa que eu gostaria de pedir sua ajuda. Yukihito.” (Leowald)

“Alegremente. Esta faca pode parecer ordinária por fora, mas esta é na verdade a mesma faca que privou a vida da 《A Árvore do Começo – Aragorn》.” (Yukihito)

Hiiro encarou a faca de perto. Parte do cabo não estava decorado tanto assim. Havia apenas uma pequena esfera estilo quartzo encaixada na parte debaixo do cabo.

“Não importa quanto Yukihito examine ela, ele não conseguiu achar a maldição que tomou a vida de 《Aragorn》.” (Leowald)

Certamente, o que ele disse era verdade. Olhando para a faca de perto, não parecia estar amaldiçoada não importa por que ângulo você visse.

Se é assim, então havia algo especial nesta simples faca.

“Isso dito, nós de fato sabemos os materiais usados para fazer esta faca.” (Leowald)

“E esses materiais são?” (Hiiro)

“Você ouviu sobre o 《Tirano do Mar》, o Kraken Monarca?” (Leowald)

“É, você está falando sobre o monstro ranque SSS que vive no fundo do 《Mar Belial》, certo?” (Hiiro)

Hiiro só sabia disto porque ele havia lido isso em um dos artigos que ele tinha. Sem isso, ele poderia não saber sobre a existência deste monstro.

“Correto. E uma das características que ele tem em seu corpo é o 《Daftgil》.” (Leowald)

“Primeira vez que ouço isso.” (Hiiro)

“Bem, isso é entendível. Somente aqueles que encararam ele são os únicos que sabem sobre isto. De qualquer jeito, é dito que este 《Daftgil》 foi criado através da solidificação de seu sangue, fazendo ela passar por magia com facilidade.” (Leowald)

Bem, magia inata era essencialmente pelo sistema de sangue do corpo de alguém, então isso significaria, (NT: Que o sangue envolve magia, e o sangue coagulado daquela criatura é capaz de passar por magia… algo assim?)

“Você está sugerindo que esta faca é feita deste 《Daftgil》 de que você fala?” (Hiiro)

“… exatamente.” (Leowald)

“Entendo. Para essa faca ser feita disso, é bem surpreendente.” (Hiiro)

“Eu concordo, contudo, isto também quer dizer que alguém subjugou aquele 《Tirano》 no fundo do mar.” (Leowald)

Certamente, isso era uma informação meio inesperada. Sob circunstâncias normais, alguém fugiria diante de um monstro Ranque SSS.

Além do mais. A área de batalha era sob o mar. Movimento é limitado e também é a magia usável sob ela. É sem dúvida que alguém mais forte que esse monstro lutou com ele.

Os subordinados de Avoros estavam definitivamente por trás disto.

“Bem, há também uma possibilidade que ele foi provocado em direção da terra.” (Leowald)

Mas Hiiro não quer apostar nisso. Afinal, esses eram os subordinados do Maou Predecessor no fim das contas. Assim como Silva avaliou aquele 『Espírito』 entre os ranques deles, todos eles estão próximos de estarem numa classe de anomalia.

Leowald então soltou um suspiro pesado,

“De qualquer forma, quem quer que nocauteou aquele Kraken Monarca não é nossa prioridade principal neste momento. É o material usado nessa faca.” (Leowald)

“E quanto à essa gema de cristal?” (Hiiro)

“Nyohohohoho! Nós na verdade não sabemos!” (Yukihito)

“Vocês… não sabem?” (Hiiro)

“Eu posso dizer com certeza que é uma esfera mágica, contudo eu não consigo clarificar mais do que isso.” (Yukihito)

Yukihito falou com um tom apologético.

“É por isto que eu chamei você aqui hoje.” (Leowald)

“… apostando que eu possa encontrar alguma outra coisa, huh?” (Hiiro)

“Gahaha! Você leu minha mente!” (Leowald)

Está realmente tudo bem em rir numa hora como esta, Rei das Feras?

“… bem, eu posso não achar nada além do que vocês sabem, mas eu posso achar algo assim que eu examinar isso cuidadosamente.” (Hiiro)

“Oh! Como esperado do homem que eu admiti! Olhe Branza! Eu te falei, certo? Hiiro fará algo sobre isto!” (Leowald) (NT: Eu acho que deveria ser “admirei” ao invés de “admiti”, mas pode ser sobre o casamento das filhas, sei lá…)

“Parece mesmo. Contudo, querido, ele não deu sua resposta adequadamente ao seu pedido ainda.” (Branza)

Era como Branza havia dito. Certamente entre os caracteres usando sua 《Magia das Palavras》, 『Clarificar| 解明』, 『Expor | 解説』 ou quaisquer caracteres relacionados à investigação podiam examinar a faca misteriosa.

Ao custo, contudo, que não é de graça. Enquanto for Hiiro, apesar dele estar realmente curioso sobre a faca, ele pensou sobre usar esta oportunidade para aquela questão.

“Hey Rei das Feras, em troca por examinar a faca, eu tenho um favor para pedir. Feito?” (Hiiro)

Anúncios

8 respostas em “Capítulo 240 – A Adaga que Matou Aragorn

  1. (NT: Eu acho que deveria ser “admirei” ao invés de “admiti”, mas pode ser sobre o casamento das filhas, sei lá…)
    Eu acho que ele se refere ao casamentos do Hiiro com as filhas dele.

    e obrigado pelo capítulo e boa sorte com a faculdade, começar a faculdade na quarta é tenso (apesar que no meu tempo só calouro ia pra faculdade na primeira semana, nunca tinha aula, os professores nunca apareciam).

    Curtir

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s