Capítulo 43: Habilidade da Rarashik

Capítulo programado, porque sei lá quanto tempo vou ficar fora… e enquanto isso, eu nem comecei a adiantar os capítulos que eu devia adiantar no ‘tempo livre’, justamente por falta dele… – Este capítulo foi traduzido do NetBlazer.


Capítulo 43: Habilidade da Rarashik

“Isso de lado, sobre o que você queria realmente falar comigo?” (Rarashik)

Rarashik disse enquanto ela inclinava sua cabeça e olhava para os três enquanto ela se ajeitou numa cadeira.

“Vocês vieram até aqui para ouvir sobre a guerra. Contudo, isso não é tudo pelo que vocês estão aqui, certo?” (Rarashik)

“Aa. Na verdade, eu tenho um favor para pedir.” (Arnold)

“Favor? O que é?” (Rarashik)

“É sobre esta garota aqui…” (Arnold)

Arnold colocou sua mão no topo da cabeça da Muir.

“O nome dela é Muir, certo? O que você tem em mente?” (Rarashik)

“Eu quero que você seja a mentora dela.” (Arnold)

“Eh-?” (Muir)

Muir exclamou a surpresa dela. Isso não é porque ela era contra a ideia, mas porque ela nunca nem sonhou que ela seria ensinada pela mestra do Arnold.

“Nah, parece que vai ser um saco.” (Rarashik)

Os ombros da Muir caíram no momento que Rarashik rejeitou isso.

“Como você pôde, mestre!? Eu estou lhe implorando! Nós sofremos tanto para pegar para você o mel. O mel que você ama. O mel para fazer seu álcool…” (Arnold)

“Bem. Isso e aquilo são completamente diferentes. Primeiro de tudo, você ignorou minhas ordens e partiu. Então você repentinamente volta com uma criança guinchada. E agora, você quer que eu cuide dessa criança!? Você tem que estar brincando comigo!?” (Rarashik) (NT: A expressão em inglês é essa mesmo, mas… não vem nada para melhorar, então a Muir está guinchada mesmo)

Arnold era incapaz de refutar o argumento dela. Tudo que ela disse era inegavelmente verdade. De qualquer forma, com a habilidade e direção dela, era claro que Muir iria crescer para ser forte sob o cuidado dela.

“Eu era jovem e aventuroso… eu principalmente queria testar minha força.” (Arnold)

“isso é tudo que eu esperava você dizer. Você ainda é um jovem verde, no fim das contas.” (Rarashik) (NT: Ainda não amadureceu; é só uma expressão mesmo…)

“M-mesmo que eu pareça assim, eu me tornei um pouco mais forte, você sabe! Vá em frente e veja por si mesma!” (Arnold)

“Hou~?” (Rarashik)

Os olhos da Rarashik acenderam instantaneamente. Sentindo uma atmosfera desconfortável vindo dela, Arnold começou a entrar em pânico.

“Eu irei aceitar sob uma condição.” (Rarashik)

“C-condição… você diz?” (Arnold)

“Aa. treine comigo. Se você me tocar durante o treino, mesmo que seja só um arranhão, então eu irei aceitar seu pedido.” (Rarashik) (NT: Esse treino é daqueles duelos e tal… talvez nós tenhamos uma tradução para ‘spar’, mas não conheço… ou não lembro)

“Só… um arranhão?” (Arnold)

“Aa, claro, nem precisa falar que eu irei receber uma desvantagem.” (Rarashik)

Ouvindo isso, Arnold pensou que se ele tentasse seu melhor, ele acreditava que ele podia honestamente tocar ela. Contudo, as esperanças dele foram traídas quando Rarashik continuou sua explicação.

“Contudo, quem vai participar será somente a Muir.” (Rarashik)

“… perdão?” (Muir)

“Você entendeu? Ela tem 3 dias. Eu irei dar à pequena senhorita o direito de duelar contra mim por 3 dias. Eu não me importo sobre o método. Se as pontas dos dedos dela podem sequer me arranhar, ela será declarada a vencedora.” (Rarashik)

“H-hai!” (Muir)

Naquele momento, eles estavam atualmente numa sala dentro do porão. Um porão onde monstros e criaturas de todos os tipos eram trazidos para experimentação. Isso claramente tinha mais do que espaço o suficiente e durabilidade para aguentar um único treino simples.

(O espaço lembra muito aquele de uma pequena academia, huh… para completar, é um porão. Para ser capaz de fazer algo assim, aquela chibi-usagi realmente tem um monte de tempo livre nas mãos dela…) (Hiiro)

Hiiro cruzou seus braços no que ele examinou a sala com admiração. Ele determinou que deve ter levado um tempo muito longo para construir algo assim.

“Uu, você acha que Muir vai ficar bem…?” (Arnold)

Parecia que Arnold era quem estava mais preocupado sobre a situação. Quando Rarashik apresentou a condição dela, Arnold ficou intrigado e incerto sobre o que fazer. A pessoa que respondeu imediatamente ao desafio, contudo, foi Muir.

Nem precisa dizer que a resposta da Muir foi “por favor me deixe fazer isso!” Obviamente, Arnold ficou surpreso, mas Rarashik parecia também ter se espantado. Vendo a fraca e frágil Muir demonstrando tal determinação ousada iria surpreender qualquer um.

Rarashik, contudo, simplesmente sorriu para a resposta dela no que ela acenou para todo mundo seguir ela. (NT: Esse é um sorriso meio sarcástico, não é que ela ficou alegre nem nada assim)

A força da Rarashik era esmagadoramente clara. Mesmo com uma desvantagem, parecia impensável para Muir, que apenas se tornou uma lutadora noviça, ser capaz de sequer arranhar uma ranker SSS.

Imaginando uma Muir esfarrapada quebrando e chorando rios, Arnold não podia fazer nada senão se preocupar.

Em contraste ao Arnold, Hiiro pensou que uma virada de eventos dessas era bem interessante. Mesmo que ele tenha apenas sido zoado pela Rarashik, ele agora era capaz de lentamente e cuidadosamente observar os movimentos dela. Objetivamente falando, isso seria uma grande oportunidade para observar a habilidade dela para ver do quão ela é verdadeiramente capaz.

“Bem, pequena senhorita. Sobre a desvantagem, eu irei ser privada de qualquer meios de atacar. Isso significa que eu não usarei minhas mãos e minha skill de <> será restrita. Sinta-se livre para me atacar o quanto você quiser.” (Rarashik)

Com esse tipo de desvantagem, Arnold ou Hiiro poderiam ser capazes de fazer algo. Contudo, para Muir, a diferença de level era desesperadoramente grande. E mesmo sem levar level em consideração, a diferença na experiência de combate delas seria como medir a distância entre o chão e o céu.

“Muir…” (Arnold)

“Bem, tudo que nós temos que fazer é ver como isso vai se desenrolar.” (Hiiro)

No que os dois estavam assistindo, o jogo conhecido como treino havia começado entre Muir e Rarashik.

“Eei!” (Muir)

Muir honestamente correu até Rarashik. Contudo, como esperado, ela tinha errado. O momento que Muir chegou perto o suficiente para acertar, Rarashik imediatamente sumiu. Reaparecendo atrás dela sem ninguém notar, ela riu.

“Ha ha ha, pequena senhorita, você vai me fazer suar ao menos um pouquinho, certo?” (Rarashik)

Essas palavras pareciam ter apertado um botão dentro da Muir. Ela também tinha o sangue dos Gabranth correndo pelas veias dela. Ela não era alguém que iria simplesmente aceitar ser caçoada no campo de batalha.

“Eu irei definitivamente te pegar!” (Muir)

Contudo, não importa o quanto Muir mergulhasse na direção da Rarashik, isso parecia sem sentido. Rarashik parecia esperar de propósito até Muir se aproximar, esperando pelo ponto onde ela iria quase tocar ela. Seguindo imediatamente, antes do momento que iria classificar como um ‘toque’, Rarashik iria sumir e reaparecer num lugar completamente diferente.

Esse espetáculo continuou em si de novo e de novo. Muir correu incontáveis vezes, mas cada vez Rarashik iria fazer a mesma coisa como que se ela estivesse apenas brincando com ela. Eventualmente, os ombros da Muir caíram.

“Hah, hah, hah…” (Muir)

“O que, você já terminou?” (Rarashik)

Muir continuou intensamente, como se ela estivesse tentando segurar uma nuvem. Muir estava suando profundamente, o corpo inteiro dela estando encharcado em suor, o clima no porão pode ter parcialmente contribuído para o estado infeliz dela.

“Pobre Muir…” (Arnold)

Arnold encarou ansiosamente.

(Como esperado da chibi-usagi. Mesmo enquanto de movendo tanto até tal ponto, ela não está nem suando. Pelo contrário, o sorriso dela nunca saiu nem uma vez) (Hiiro)

O fato que Rarashik estava se divertindo tão profundamente que ela estava sorrindo com completamente significou que ela tinha uma margem substancial de erro. Sendo incapaz de sequer tirar aquele sorriso da cara dela, parecia que a chance de ganhar da Muir era não-existente.

(Hn? Na verdade, isso é ótimo timing. Agora seria a oportunidade perfeita para investigar os stats dela…) (Hiiro) (NT: Eu não sei porque me preocupo em mostrar quem pensou, quando é tão na cara…)

Pensando isso, Hiiro escreveu a palavra <> e ativou ela. Ele não tinha uma chance para tentar isso antes, contudo, agora ele estava livre para fazer isso.

Então, Hiiro abriu a tela de <> da Rarashik. No momento que ela apareceu, ele foi abalado pelo que ele viu.

Rarashik Fan’naru

Lv 123

 HP: 7065/7065

MP: 696/696


EXP: 1884421

Próximo: 74980


ATK: 1211 ()

DEF: 1178 ()

AGL: 1119 ()

HIT (DEX?): 989 ()

INT: 800 ()
<> Gelo

<<Técnicas de Binding>> Presa de Gelo | Assalto da Besta de Gelo Opressiva | Rugido da Besta de Gelo |  Zero-Absoluto  | Prisão de Gelo | Presa Final |
<<Títulos>> Companheira do Gelo | Garotinha | Beberrona Desordenada¹ | Lâmina da Selvageria | Pesquisadora | Matadora de Demônio | Uma Esquisita nascida de um Esquisito² | A Criadora da técnica <> | Lutadora Gabranth | Alguém que pode influenciar Fenômenos | Uma Pessoa Determinada³ | (NT: ³O último título pode ser lido como alguém arrogante ou diferente; ¹o do beberrona, eu usei desordenada por ser a melhor tradução que lembrei para ‘binge’ – se alguém se lembrar de uma melhor, só falar (tinha no Tokyo Ghoul a Binge Eater, se isso ajudar a lembrar); ²a da esquisita nascida de um esquisito, eu não sei se era o pai ou a mãe o esquisito, então deixei em masculino… se já foi dito, eu não lembro/preguiça de checar.)

Hiiro estava pasmo. A diferença de level era claramente esmagadora. Juntando todos os números dos stats dela, era fácil de ver que ela tinha otimizado os stats dela para serem balanceados justamente.

(Os stats dela ultrapassam os meus por mais de 100, huh… então esses são os stats de uma ranker SSS… isso certamente é uma bela duma surpresa.) (Hiiro)

Ele não estava esperando o level dela ser tão alto assim. Contudo, olhando para esses números, Hiiro se confortou no fato que ele foi devastado por ela mais cedo.

(Contudo… eu meio que esperava ela ter ele, o título de “Garotinha”…) (Hiiro)

Apesar dele estar ciente que Rarashik odiava ser chamada disso, não importa como ele olhasse para ela, o título de “Garotinha” era aquele que parecia mais se encaixar.

(Mas olhando para esses número, isso não é um pouco duro demais para a chibi…) (Hiiro)

Contemplando tais pensamentos em sua mente, Hiiro continuou observar as duas treinando. Com essa diferença de habilidade, à não ser que algo inesperado aconteça, Muir não tinha chance de ganhar.

Muir mesma tinha começado a notar a falta de progresso.

Inútil dizer, isso estava tendo seu peso no espírito dela.

(E-ela é rápida… comparada ao Ojisan ou Hiiro, ela é mais rápida…) (Muir)

Muir podia de algum jeito seguir os movimentos dela, contudo, o corpo dela era incapaz de reagir rápido o suficiente. Mesmo que ela tinha upado repentinamente substancialmente, ela sentiu que ela era incapaz de entender até que ponto a habilidade física dela tinha crescido.

(Ela vai continuar me evitando se eu correr cegamente… se eu pudesse usar a skill de <> daquela hora…) (Muir)

Depois de ver as imagens da <<Projeção>> do Hiiro, ela foi capaz de ver o que ocorreu naquela hora. Ela se viu usando aquela skill. Ela tinha certeza que ela seria capaz de fazer algo se ela pudesse usar livremente aquela skill. Contudo, depois de olhar na <<Projeção>> dela mesma usando a habilidade, ela ainda não acreditava que ela era aquela que ativou a skill. Isso preveniu ela de ativar aquela habilidade.

(Ojisan me contou sobre isso antes. Que <> é na verdade o poder da crença… contudo, eu realmente tenho aquela tipo de poder dentro de mim?) (Muir)

Ela tentou usar a skill de <> várias vezes antes, ainda, cada vez foi vazia de qualquer resposta. Em primeiro lugar, desde que Muir não tinha sido dita como em qualquer grande detalhe  como invocar a skill, ela absolutamente não tinha ideia de como aplicar isso, que se diga usar isso.

“Va’mo lá, vem logo e me pegue. Ou o que, você está desistindo?” (Rarashik)

Nessa palavras, Muir forçou força no seu olhar. (NT: Eu sei, é bizarro escrever isso também, mas…)

“E-eu não irei desistir!” (Muir)

Colocando força nas suas pernas mais uma vez, ela correu até Rarashik.

“É esse o caminho! Venha até mim! Se você nem esticar suas mãos, você nunca será capaz de segurar o que você está tentando pegar!” (Rarashik)

“Taaaaaa~” (Muir)

Anúncios

8 respostas em “Capítulo 43: Habilidade da Rarashik

Deixe uma Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s